14 thoughts on “Expulsem este imbecil de vez”

  1. Não esperes. Preferia ter o patareco do Tiuí a jogar do que este imbecil. Em Leiria foi o que foi. Hoje, podia ter sido. Proponho que seja oferecido ao Belenenses ou ao Atlético.

  2. «77′ – SUBSTITUIÇÃO NA NAVAL. Davide sai – após ter levado uma cotovelada de Bruno Alves numa disputa de bola de cabeça – e entra MICHEL SIMPLÍCIO.»
    in Record

    «Poucos segundos após o apito final, Pelé descarregou a frustração na objectiva do repórter Carlos Jorge Monteiro, pontapeando-a. O fotógrafo, ao ver o estado em que ficou o material, correu na direcção do árbitro Pedro Henriques, relatou o incidente e este anotou tudo.»
    in Record

    Bem, Derlei foi expulso por dar um pontapé na bola, o que para Valupi é grave.
    Bruno Alves usa e abusa dos cotovelos no rosto dos colegas de profissão, Pelé pontapeia máquinas fotográficas mas Derlei é que é imbecil.

  3. pedro, se o Bruno Alves e o Pelé jogarem no Sporting, e forem responsáveis pelas suas expulsões, e estas nascerem apenas da sua falta de profissionalismo, então diria o mesmo.

    Os casos que trazes são de outra ordem, relativos ao trabalho dos árbitros. Mas, já agora aproveito a oportunidade para o declarar, não gosto de jogadores que fazem regulares infracções e ficam impunes. Por mim, teriam de ser educados pelo treinador ou excluídos.

  4. Valupi, concordo com o teor do «post» que percebi.
    O carácter de Derlei foi moldado por Mourinho na União de Leiria e no Porto, o que o deve confundir é porque razão o tipo de comportamento que sempre teve (rever por exemplo as atitudes do brasileiro final da Taça UEFA com o Celtic) não o penalizavam antes e o penalizam agora.
    Quanto à expulsão de ontem nunca um jogador do Porto seria expulso naquelas circunstâncias.

  5. Não sei se seria expulso ou não, sendo do Porto, mas sei que a atitude do Derlei foi inadmissível. Primeiro faz falta, depois ameaça o jogador, depois volta a fazer falta e exibe agressividade para com o árbitro. Isto passou-se num minuto. É um jogador que está no final de carreira e não respeita quem lhe paga o salário, comporta-se como um puto burro.

    Claro que como tu, Pedro, eu não gosto do que o Porto tem feito no futebol português. Há 25 anos que isto tem estado corrompido para o lado deles. No entanto, eles também diziam que até ao Pinto da Costa era Lisboa que controlava o sistema. Para mim, o que se passa no futebol é o espelho – e talvez o barómetro – do que se passa na justiça em Portugal.

  6. caro Valupi, este rapaz, este Derlei, é o continuador de uma linhagem de jogadores tontos que contam com o apoio de alguns associados porque têm “raça” e “não desistem” e tal. Vivem disto, de correr desalmadamente para apanhar bolas que já saíram pela linha de fundo, de gritar para os céus com os punhos cerrados quando falham golos certos. São expulsos a cada cinco jogos, mas a rapaziada tudo lhes perdoa porque têm “amor à camisola”

    Tivemos Sá Pinto, tivemos Carlos Martins e agora temos Derlei. Teremos Rochemback quando sair Derlei (embora Rochemback não vá fazer aquele número de correr para as bolas perdidas, é claro…)

  7. dispendioso Comendador, discordo. Enquanto Derlei é um imbecil, já o Carlos Martins era um tonto. São condições diferentes. Quanto ao Sá Pinto, entras no campo do sacrilégio, pois esse é um dos maiores sportinguistas de sempre. Não consta que fosse tonto, muito menos imbecil. Mas era raçudo, e a raça é uma forma superior de inteligência.

    Já que o nomeias, o Rochemback é um exemplo de jogador raçudo. Ontem esteve muito bem.

  8. Caro Valupi, concedo que há uma diferença entre o tonto Carlos Martins e o imbecil Derlei, isto apesar de o imbecil Derlei ter marcado um golo ao Benfica, no jogo dos 5 a 3, o que lhe concede uma imunidade válida para vários meses.

    Já o rapaz Sá Pinto, era um jovem que me deseperava com os seus esbracejos quase tanto como o Pedro Barbosa, aquele que tinha o especial dom de parar as jogadas que lhe chegavam aos pés. E, caro Valupi, o rapaz Sá Pinto esteve a um passo de ir para o Porto quando do seu segundo ingresso no Sporting. Que era do Porto desde pequenino e tudo. Ora estas coisas, parecendo que não, aborrecem-me…

  9. Verdade, Comendador, mas ao Sá Pinto o destino foi misericordioso, e ele lá se salvou de tão funesta desdita. Quanto ao Barbosa, era o chamado “falso-lento”, não esquecer. E tinha um dos melhores toques de bola que Portugal conheceu. Marcou golos que são obras de arte.

  10. Não é só imbecil é o bufo do treinador e aparece na TV a fazer figuras tristes tentando defender o indefensável. PB que rpor a jogar no domingo não quem jogou bem no domingo anterior mas quem «treinou» melhor durante a semana. Essa a sua loucura. Derlei é um acólito. Nada mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.