Sabedoria de Teófilo

Interessante é andar nos transportes públicos e ouvir as comadres a louvar o Manel como se ele fosse o Sebastião regressado do nevoeiro, a igreja católica a fazer-se passar pelo que não é e a dar a impressão que concorda com os que não acreditam nela, os analistas económicos a interpretarem gráficos às avessas, os liberais a gritar por nacionalizações, a esquerda de casaquinho de veludo ou blusão de pele fina a falar sobre a fome e o desemprego que desconhecem, a alta burguesia a gozar que nem nababos, os políticos a degladiarem-se pelo poder, jornalistas pagos a peso de ouro a falar na televisão sobre os seus colegas desempregados, comentadores que negam que os nossos problemas estejam afectados por uma crise que afectou globalmente o mundo industrializado, juízes a queixarem-se da falta de respeito enquanto soltam catilinárias sobre convidados para as suas casas, procuradores que se esquecem das virtudes do laconismo e se pelam pela exposição mediática, presidentes que se apressam a fazer comunicados ao País sobre questões que deveriam ser tratadas nos gabinetes e que calam opiniões sobre o que se passa no País, ministros que são expulsos por pressão dos jornais e outros que se vão deixando ficar porque são inócuos, um primeiro-ministro que apanha de todos se faz bem e volta a apanhar se faz mal, e um povo desnorteado que diz que nas próximas eleições sabe o que vai fazer, sem saber que o seu destino está preso por um fio.

Isto é o que se passa, só espero que o desnorte e a má-informação não arrastem este pobre povo, que vive do seu trabalho, que labuta e sofre na carne as agruras da crise que caíu em cima da nossa pobre Pátria, para um beco sem saída, onde os arautos da desgraça continuarão a debitar o seu discurso beberricando os seus vícios e gozando dos seus privilégios, sempre, sempre, pensando nos mais desfavorecidos.

__

Oferta do nosso amigo teofilo m.

3 thoughts on “Sabedoria de Teófilo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.