12 thoughts on “Perguntas simples”

  1. Não. Significa que faz questão de acentuar com a expressão o conteúdo do que diz: não há esperança, ouviram bem? Para o ano é pior, vou ter que os esmifrar até ao último tostão, mas não serve de nada porque o euro provavelmente nem se vai aguentar.

    Também pode querer dizer que se prepara (como conjecturava o Nicolau Santos) para ser substituído um dia destes, pelo próprio Gaspar (a mando do BCE que – parece – continua a ser o seu patrão).

  2. não propriamente – a euforia dos drunfos terá sido ultrapassada pela ressaca da sua falta. será, talvez, o seu ar a melhor definição de crise: confronto, isento, com a realidade sem o auxilio dos ópios, muletas de costas largas, passados. :-)

  3. Caro Val,
    tem pena do “piqueno”.
    Já não basta o ter de se ajoelhar ao Gaspar, ter de engolir o Álvaro, ver o da Médis a roubar-lhe a clientela do SNS, ser atropelado pelo carro da Segurança Social enquanto procura o dos estrangeiros para se queixar do desaparecimento do relatório do do Interior ou das promoções na defesa, passando a vida a esbarrar com o chapéu de palha de abas largas da Cristas, ver a Paula ter-se transformado em catavento e ser insultado em Matosinhos ao lado do seu amigo Aznar quando se dirigiam para a frota de Jaguares que esperavam a comitiva, e tu ainda lhe arreias em cima.

  4. Não é caso para menos. O rapaz nunca trabalhou nem é amigo de levantar cedo, e só agora começa a perceber que a vida de primeiro ministro não é o mar de rosas que imaginava.

  5. Drunfado? Ele que até teve o galo de só experimentar drogas quando só fumava cigarrinhos de chocolate e alguém mal intencionado teve a ousadia de lhe meter uma ganza nos queixos sem ele sequer se aperceber.

    Este é mesmo o ar normal dele. Quando muito está apaixonado pela Merkel.

  6. E o ar cada vez mais lunático, gelatinoso, calimero e panhonha do SEGURO? significa que ele anda a ser igual a ele mesmo e ao PS? né? ou será que significa que ele anda a ser igual ao PS e a ele mesmo? ou será que ainda não percebeu que existe a aspirina B para injectar uma dose de analgesia verdadeiramente demencial que lhe faça regressar à era socrática?

    Ser ou ser uma alforreca …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.