6 thoughts on “Morrer jovem”

  1. Fiz alguma coisinha cagagesimal pelos milhões de livros que ele vendeu, pois fui eu que o aconselhei ao editor português. Se não fosse eu, tinha sido outro, mas mesmo assim.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.