26 thoughts on “Exactissimamente”

  1. a sério?! pensei que a campanha tinha acabado, por decreto do dr. valerico intitulado Massacre promulgado aqui no spinnirina ha uns dias. afinal enganou-se e agora desesperado vomita mentiras, ódio e medo.
    a escroque está enfiada num lamaçal de corrupção, obstruçao à justiça e pedofilia , mas o importante é ir atrás de umas bocas foleiras do trump.

    os americanos não só não são estúpidos, como são perfeitamente capazes de conter meia dúzia de delírios do trump. o que os americanos não conseguiriam nunca conter seria a proliferação do crime e da corrupção a envenenar as mais altas estruturas políticas e militares dos eua. abram os olhinhos, palermas.

  2. Se a principal acusação da adversária de Trump é a ausência de sinais de russofobia evidentes, neste, e a eleição está disputada taco a taco, isso sigifica que cerca de metade dos eleitores americanos não se identifica com a política externa seguida nos últimos anos. Que ironia ver a representante Democrata no papel belicista e o Republicano no espaço conciliador.

  3. Exactamente enapa e Lucas.
    Claro que o Trump não será indicado para o cargo, mas quem tem governado os EUA? Ele ainda não se mostrou, mas Clinton já, como integrante, pelo menos deste governo, e o marido como Presidente.
    Vejam o seguinte artigo (postado no resistir.info) – http://resistir.info/eua/killary_13abr16.html – de título KILLARY , do grande Paul Craig Roberts E OUTROS, que poderão consultar no resistir.info.
    Estou por isto, muito decepcionado com o Aspirina B, acerca deste assunto!
    MCT

  4. MCTorres a posição do Spinnirina sobre este assunto advém, essencialmente e sem prejuízo da corrupção psico-ideológica do dr. Valerico, da armadilha intelectual engendrada pelos goebelzinhos que planearam a campanha Stronger Together sob os princípios da igualdade de género e da proteção das minorias.

    Acontece que a generalidade dos eleitores de trump são pessoas que não têm a mínima discordância relativamente à importância desses princípios ou, quando muito, consideram que o momento histórico atual exige imediata resposta a outras questões igualmente importantes.

    Pessoas que, com algum conhecimento de causa, agora confirmado pelas inúmeros indícios que, afinal existem e em análise pelo FBI, suspeitam que a escroque é uma criminosa e que utiliza habilmente esses princípios – de cuja importância nenhuma pessoa sensata pode discordar – para chantagear os eleitores, como se ao não votarem na escroque estivessem a ofender esses princípios.

    O termo que a escroque, num momento de espontaneidade e revelador do que lhe vai naquela miserável consciência, utilizou para qualificar todos os eleitores que se opõem veementemente a ser governados pelo crime é um exemplo perfeito deste vicioso quadro mental: “Basket of Deplorables”.

  5. “The Clinton camp has been able to project a neo-McCarthyist hysteria that Russia is responsible for everything. Hillary Clinton has stated multiple times, falsely, that 17 US intelligence agencies had assessed that Russia was the source of our publications. That’s false – we can say that the Russian government is not [our] the source,; “Hillary Clinton is just one person. I actually feel quite sorry for Hillary Clinton as a person, because I see someone who is eaten alive by their ambitions, tormented literally to the point where they become sick – for example faint – as a result of going on, and going with their ambitions. But she represents a whole network of people, and a whole network of relationships with particular states.”

    Julian Assange

  6. oh enaparvo! mas afinal qual foi o crime que a escroque cometeu? se foi essa coisa dos emails, estavam mais seguros no computador dela que nos da cia e do fbi, cuja segurança é da responsabilidade dos gajos que agora a acusam e que foram divulgados na net. vai mazé pastar, a erva faz-te melhor à saúde que trampa às colheradas.

  7. Qual é o crime que cometeu, Ignatz? Ter sido uma das principais obreiras do caos que domina o Médio Oriente, o Norte de África e o Leste da Europa não te chega?

  8. “Ter sido uma das principais obreiras do caos que domina o Médio Oriente, o Norte de África e o Leste da Europa não te chega?”

    não consta na fotografia das lages. mas se o crime foi esse, tás à espera de quê para levar os culpados a tribunal, bush filho à cabeça e os neoconeiros todos que agora apoiam o trumpetas.

  9. a uma semana das eleições o FBI declara estar a investigar indícios relacionados com um dos candidatos e o iganôncio acha que é só fumaça.
    a escroque gasta milhares de dólares com software e técnicos para lixiviar e-mails do disco duro de um servidor manhoso que utilizava para tratar de assuntos de estado e o iganôncio acha que é fumaça e da boa.
    juntando à fumaça colheradas de trampa, o iganôncio sonhou até que o bush apoiou trump durante a campanha.

  10. Os das Lages deveriam estar a ser julgados em tribunal, sim, junto com seus lacaios e continuadores da obra que iniciaram. E os neoconeiros não estão com Trump. Sabem que este, se fôr eleito, arruma com esta Nato-pré-muro-de- Berlim em três tempos.

  11. ò enaparvo, volto a repetir a pergunta que fiz:
    “mas afinal qual foi o crime que a escroque cometeu? se foi essa coisa dos emails, estavam mais seguros no computador dela que nos da cia e do fbi, cuja segurança é da responsabilidade dos gajos que agora a acusam e que foram divulgados na net.”
    depois podemos falar da irresponsabilidade da hilária levar os emails para casa.

  12. iganôncio, por exemplo – mas vai-te informar melhor e larga a fumaça -, o crime de obstrução à justiça por não ter cumprido uma intimação do congresso para entregar diversos documentos de estado e, pior, ter, por si ou por interposta pessoa, destruído o suporte onde os mesmos estavam armazenados.

  13. “o crime de obstrução à justiça por não ter cumprido uma intimação do congresso para entregar diversos documentos de estado…”

    se o congresso sabia que a mulher tinha esses documentos porque é que não foi lá buscá-los ou não pediu ao fbi para fazer uma busca. tretas, não gostas de mim e pões no jornal que eu tenho de devolver aquilo que roubei, porque se não o fizer fica provado o roubo.

    “e, pior, ter, por si ou por interposta pessoa, destruído o suporte onde os mesmos estavam armazenados.”

    se não devolveu e se não acharam pevide, é porque foram destruídos. provem e acusem depois, até lá batam a bola baixa para não afugentar a passarada.

    nota – continuo sem perceber a teoria do crime contra a segurança de estado, praticado pela hilária, quando o fbi e cia são responsáveis pela leakalhada, enquanto que ninguém conhece o conteúdo daquilo que dizem que a outra guardou indevidamente. aqui os raciocínios já são mais parecidos com os do nosso ministério público.

  14. iganôncio, não faço ideia dos detalhes jurídicos, mas posso conjeturar que não tendo sido constituída arguida, não poderiam, sem mais e em tempo útil, vasculhar-lhe o servidor e mesmo o fbi necessitaria de um mandato emitido pela procuradora-geral que gosta de reunir com Bill The Rapist em placas de aeroportos antes de decidir certos casos.
    a sorte é que os documentos não foram destruídos, houve alguém (provavelmente a Huma, embora a sua advogada diga que não) que os copiou e os guardou no computador do pedófilo marido, que também estava a ser investigado pelo fbi, numa pasta chamada “life insurance”.
    no fundo, como podes ver, são histórias dignas e edificantes.

  15. A única coisa q se prova é q o triangulo justiceiro lx, rio e n.york tem a mesma tentação de perverter o regime democrático. Até aposto q deve haver um congresso onde comam ovos moles e troquem experiências para aperfeiçoar a técnica.

  16. poizé, ò enaparvo. a direita para ganhar eleições, lá como cá, tem que viciar o baralho e recorrer aos amigos infiltrados na polícia e na justiça. a hilária já tinha sido ameaçada de prisão, num debate, pelo trampa caso a merda fosse governo.

  17. iagnôncio, a gaja é um escroque, nada a fazer. por muito menos, viste toda a escumalhada mediática que agora apoia a hillary a vilipendiar, por muito, muito, muitíssimo menos, a rousseff e a incentivar um golpe de estado no brasil. a hillary é apoiada por tudo quanto é direita e conseguiu, através dos seus goebelzinhos de campanha, açambarcar parte do eleitorado de esquerda. é um feito, mas vai-se foder.

  18. oh parvo do caralho e burro, nos estados unidos há republicanos e democratas, os primeiros representam a a direita e têm como candidato oficial o trampas, os outros são a esquerda que tem como candidata a hilária. há na realidade republicanos que apoiam a candidata de esquerda porque o candidato da direita é uma merda.

    quanto ao brasil, o que vi foram manifestações dos golpistas a apoiar o trampa. isso de virar os factos ao contrário só pega com imbecilato de direita.
    http://www.pragmatismopolitico.com.br/2016/10/grupo-organiza-manifestacao-a-favor-de-donald-trump-em-sao-paulo.html

  19. Pois é, isso é tudo muito bonito, mas a mim o que me interessa é que, se a eventual eleição de Trump implica a possibilidade teórica de uma guerra com a Rússia, se a eleita for a Killary Klingon a possibilidade transforma-se em 99% de certeza.

    É verdade que a hipótese Trump poderá (e sublinho o “poderá”) acarretar incómodos e retrocessos no plano social nos EUA, quanto aos direitos das mulheres, dos trabalhadores, dos LGBT e tutti quanti. Mas esse é o lado para onde durmo melhor. Além de que, ainda que eventualmente fodidos, terão os meus queridos irmãos americanos algumas hipóteses de, pelo menos, evitarem tornar-se cumulativamente radioactivos. E toda a gente sabe o que isso significa para o resto do planeta e seus habitantes, em que, obviamente, me (nos) incluo.

    Com a Killary Klingon ao leme daquela nave de loucos, o mais certo é os contadores Geiger passarem a equipamento indispensável em todas as famílias e comunidades terráqueas, incluindo qualquer simpática família ou comunidade sexualmente heterodoxa.

    Pelo sim pelo não, a minha próxima e bué de inteligente iniciativa de negócio será comprar uns milhares de acções da empresa fabricante de contadores Geiger, para o que vou já telefonar para a Quinta da Coelha a pedir uma cunha para o grande ilusionista Oliveira e Costa, que me fará o obséquio de um generoso empréstimo tendo em vista o investimento.

  20. “In a perfect world, no one … te te te . Stil, te te te tete te ”

    Trata-se de uma variação sobre uma frase atribuída a Voltaire . Na realidade, foi escrita pela escritora inglesa 906 Beatrice Evelyn Hall .

    Não subscrevo .
    Por causa de lirismos desse estilo é que Hitler chegou pelo voto ao poder . Depois foi o que se viu . Não pode haver tolerância democrática perante certas pessoas, reveladas pelo que politicamente personificam e defendem .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.