5 thoughts on “Começa por parecer que há”

  1. Valupi tenho seguido este blog à uns tempos porque considero a tua escrita mordaz e que vai de encontro àquilo em que acredito e à minha forma de ler a realidade.

    À uns tempos fui confrontado com uma notícia que me surpreendeu. Sabes que no PCP os funcionários recebem de aumento o mesmo que a Função Pública? É surpreendente porque ninguém obriga o PCP a dar esse aumento.

    Outra noticia que podes verificar. No último congresso do PCP foi aprovada uma tese que prevê a redução do Passivo do PCP através da redução de funcionários do Partido. Será por Layoff ou Despedimento colectivo, ninguém sabe.

    Peço-te que se puderes averiguar se isto é verdade, estarias a prestar um grande serviço à democracia e à clarificação das coisas.

    Cumprimentos

  2. e depois?

    o brasil ou a suiça….

    nada a “compôr” sobre este piano.forte de uma notícia que já foi sinfonia entre os montes…..temos pena…pois temos….mas registamos…pianissimamente….

    ,

    abraço Val.

  3. Joao, olha que ela ainda te vai cravar esses trocos…
    __

    O Calejado, já se falou nisso na imprensa. Tem de se esperar pelos próximos capítulos. Eu não tenho especiais poderes para descobrir seja o que for, faço como tu: tento estar informado.
    __

    piano, melodiosas palavras, as tuas.

  4. Eu opinei no meu canto. E reafirmo: a ameaça da renúncia à nacionalidade deveria ter como consequência o seu imediato registo, para os devidos efeitos. Depois da chantagem de 2006, só faltava esta…
    Por mim, fico dispensado de andar num oito para conseguir bilhetes para os seus concertos, como aconteceu com o mais recente no CCB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.