Algumas pessoas quiseram estar primeiro

No essencial o PS está unido como porventura há muito tempo não estava.

Ferro

*

Na aparência, uma frase convencional. No subtexto, um elogio a Assis e uma estalada de luva branca naqueles que dentro do PS foram obreiros da desunião contra Sócrates por calculismos e rancores. Aqueles que puseram as suas próprias pessoas primeiro do que o partido, o Governo e o País.

8 thoughts on “Algumas pessoas quiseram estar primeiro”

  1. Não sei mesmo se as palavras de Ferro são uma “entaladela” para alguém. Os mesmos congressistas votaram praticamente em unanimidade em Sócrates. Uma das raras execepções foi Seguro.
    Fico espantado com as declarações desta gente do PS que ainda há bem pouco tempo se colava a Sócrates e agora pouco faltou para proclamar que ele foi o pior lider do PS até aos dias de hoje. Interiorizaram e fizeram sua, e foi isso que emergiu do congresso, ruidosamente, a miserável campanha negra da direita e da esquerda. Na hora do ajuste de contas foi mesmo tudo a repetir a “decada perdida” do Presidente Cavaco Economista. Apenas um leve, levezinho, rebate de consciência do João Soares e pouco mais. A esmagadora maioria, nos votos, nas intervenções e nas declarações para a comunicação social, fizeram contas de merceeiro como o Presidente Economista. Mediram o progresso ou retrocesso do País pelo reducionismo miserável do “Deve e Haver”. Como fez o Rancoroso. Plano tecnológico, qualificação das pessoas e requalificação das escolas, aposta decisiva nas exportações e exportações de “tecnologia de ponta”, aposta na investigaçâo cientifica como nunca, agilizaçâo da adminsitração pública através do Simplex, o “governo electronico” de excelência…Etc, etc. Internacionalmente reconhecidas estas realizações e espelhadas nos estatisticas que foram saindo, cá dentro e lá fora. E tudo em pouco mais que uma legislatura, porque o último ano e meio foi de crise e total boicote pela direita e pela esquerda maioritárias na AR.
    Tudo isto se fez e, de repente, até para um PS em bloco desmemorizado, só contou o défice (a pedido da mesmissima oposição e da UE!!!) e a divida soberana.
    O silêncio envergonhado e cumplice com a camapnha negra, em relaçâo a Sócrates, durante este congresso, revela o verdadeiro estofo do conjunto dos congressistas. Apoiarâo qualquer coisa que se apresente para os representar na arena da politiquice. Sâo uma cópia dos que elegeram Santana, Mendes, Menezes ou Passos.
    Venha o diabo e escolha.
    Muito simbólica a presença do pai-fundador do PS, primeiro na UV do PSD, e logo depois no congresso de José Seguro.
    Entaladas ficaram a democracia e as suas instituições.

  2. olha, agora, de repente, tive uma visão clara e objectiva do que é ser político: é ter a dignidade de colocar os interesses do povo que representa à frente dos interesses pessoais. curta e grossa, saiu. :-)

  3. na aparência um post normal . e na realidade um post laranja : ah , bem me parecia que o essencial do PS era a manutenção do poder !!!! mesmo que para isso tenham de seguir bovinamente rei da altura. até que enfim que o reconhecem , bravo.
    mas não foi isso que o Ferro disse , afinal , pois não ? nem era isso que ele estava a pensar pois não , seu V manipulador de intenções. e mau , de tão óbvio.

  4. estas coisas devem ser ditas, é bom que se as digam

    mas…

    sem contudo se lhes dar grande importancia…

    elas traduzem um modo de ser e estar que fez escola nos partidos

    e na ausencia dos melhores

    é bom que apareça alguem que faça oposição e apresente alternativas

    ja que a muitos sera complicado fazê-lo…

    este betinho n me seduz mesmo nada…

    mas enfim…

    a luta tem de continuar

    abraço

  5. Mas, há ainda alguém que acredite neste PS, onde o “padrinho-mor” continua despudoradamente a apoiar o PS e o PSD à vez, para não deixar que o poder caia na rua? Obviamente, que o bloco-central de interesses tem de continuar a governar, mesmo que para isso o PS pareça estar “unido”. Os oportunistas de várias cores, estarão sempre “unidos” para alcançarem o poder.
    Como se o PS e o PSD fossem, de facto, diferentes…

  6. Não sei porque é que vocês criticam. Eu acho que o Valupi esta a caminho da cura. Hoje descobre que a derrota eleitoral se deve a sectores internos ao PS, cumplices da ATCCAH(*) contra Socrates. Amanhã, vai descobrir que se deve também a partes internas ao proprio Socrates…

    Boas

    (*) = ATCCAH, Abjecta e Torpe Campanha de Caça ao Homem

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.