Ajudem o João Caetano Dias

João Caetano Dias fez uma colectânea de afirmações a propósito do escândalo que o PSD protagonizou nos saudosos tempos de Santana Lopes. Qual a finalidade? Só pode ser uma: está a equiparar duas situações. E para quê? Para justificar as reacções do PSD ao sucedido com Moura Guedes. Nesse caso, temos que JCD considera:

– Que a factual interferência do Governo PSD equivale à factual ausência de interferência do Governo PS.

– Que uma rubrica de opinião equivale a um programa de difamação.

– Que matérias de jornalismo político equivalem a matérias de pseudo-jornalismo.

– Que a boa-fé de uma crítica opositora equivale à má-fé de uma deturpação da Justiça.

– Que um incómodo político genérico equivale ao ataque ao bom nome pessoal.

Só esta baralhação explica que JCD não careça do contributo da verdade, não precise de provas ou indícios, nem sequer de módica objectividade, bastando-lhe o que um conjunto de pessoas próximas, da cor, sente. Obviamente, está a precisar de ajuda. Até corre o risco de vir dizer, um destes dias, que há escutas no Blasfémias.

8 thoughts on “Ajudem o João Caetano Dias”

  1. A beiçolas da TVI
    Quer ir atrás do marido
    Ir a banhos, sair dali.
    Sem ele tudo é diferente
    Embora ela jure que não
    O que quer é indemnização
    Quem mais jura mais mente…

  2. Pois mas os dois caso no âmago são idênticos:

    Correr com uma figura incomoda para o governo em funções foi assim há 5 anos é igual agora.

    Só resta saber de quem foi agora a brilhante ideia.

  3. Não se pode comparar e comparar já é ser demagogo. NO caso de Marcelo foi mesmo um empurrão, agora foi uma decisão da administração da casa depois da vergonha que foi o caso Marinho Pinto e Os contemporâneos. chiça que é demasiado areia para camioneta tão pequena…

  4. Ibn Erriq

    Estão a recuar!! estive a ver a RTP1(Marcelo), SIC Notícias (Mota Pinto) e a RTP N (Um Gordo……)

    Afinal foram as declarações de Sócrates no Congresso do PS e na entrevista à RTP1, que condicionaram a Administração da TVI….que se viu obrigada a demitir a tal de mulher daquele outro…

    Alguém sabe alguma coisa do debate de ontem?

    A velhinha (da cabeça) foi visitar a sede da CDU à Alemanha?? Ela não conhece o Seixal? A festa do Avante?? Pelo menos tiravam-lhe uma fotografia!”

    Assim são favas contadas para o Sócrates!!

  5. O corporativismo;
    De tudo o que tem sido dito e opinado sobre o jornal de 6ª. Feira da TVI, nós portugueses, devíamos pedir responsabilidades a três entidades, a saber:
    Procuradoria-geral da República pela lentidão no tratamento do caso, dando a entender que vive das confusões, calúnias, boatos e que não dispensam esta situação senão não eram conhecidos.
    Sindicato dos Jornalistas por nunca se interessarem do caso e não chamar à razão a sua associada, ou dar-lhe todos os meios, para o esclarecimento, caso não se provasse, retirar-lhe a carteira profissional.
    Do Presidente da República por nunca tomar medidas, dando a entender que lhe interessa esta situação para não se falar das que o incomoda. Se fosse soberano chamava a si, todos os intervenientes, para um esclarecimento total. Caso não ficasse satisfeito, penalizava quem devia, porque estas situações só se admitem em países do terceiro mundo, com o devido respeito por estes.
    Assim, quem ganha no meio disto tudo é a oposição e a comunicação social, tanto escrita como falada, que não olha a meios para atingir fins. Dá pena ver Portugal que tanto gosto, andar a ser falado por todo o mundo, pelos piores motivos, e as pessoas responsáveis não se interessarem, pelo contrário tirar dividendos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.