A blogosfera para quem a trabalha

O nosso amigo Manuel Pacheco montou poiso num post e fez dele um website. Ora cá está um belo exemplo do que a inovação tecnológica pode fazer pela coesão da comunidade e partilhado prazer de viver.

7 thoughts on “A blogosfera para quem a trabalha”

  1. Dizes muito bem, manutor, é uma honra ter dado, mesmo que de forma involuntária, um espaço para a liberdade do Manuel se concretizar em palavras. Vários foram os elogios que recebeu pela publicação das suas memórias.

  2. Aproveito, outra vez, para solicitar ao Manuel Pacheco deixe aqui uma direcção, pois também eu tenho escrito em livro as minhas memórias da guerra que gostava de lhe enviar. Só pelo motivo de que são contadas a partir dos mesmos locais: povoações, picadas, fazendas, roças, rios, etc. de que o MP descreve. E em tempos anteriores, no início da guerra, quando a vida militar no mato dava os primeiros passos e era mais penosa.
    Se o quizer fazer, fico contente.

  3. Ah ganda Pacheco, que a força esteja contigo. Não digo mais porque ao meio dia começam a servir o almoço e o 60 nunca mais chega. Serei um cliente assíduo do teu website.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.