Um orador estimulante, um político e patriota brilhante

“A Europa soube construir-se em torno de valores fundamentais admirados, respeitados e invejados em todo o planeta. Não vejo, portanto, como impossível que saibamos, com visão, coragem, bom senso, solidariedade e, evidentemente, disciplina, encontrar uma solução comum para as atuais dificuldades que nos mantenha a todos, do Norte ao Sul do continente, na primeira linha do bem-estar social, da produção de qualidade, da diversidade artística e cultural e sobretudo da liberdade, da tolerância, da democracia e da paz. Lutarei para que não sejam criadas, no sul da Europa, pequenas Chinas laborais e…”

Peço desculpa. Houve aqui um engano.

Agora sim:

«De novo, recorreu ao exemplo externo. Assinalou o sucesso dos países emergentes. Destacou a China, a Índia e o Brasil, para fazer um novo contraponto. “Quando olhamos para a Europa vemos que a crise vem criando uma angústia muito grande e que muitos estão iludidos de que a Europa permanecerá rica, com sistemas sociais financiados para sempre”, alertou. E para que não restassem dúvidas de que o declínio não é impossível, lembrou alguns casos: “Países que eram muito ricos hoje debatem-se com grandes dificuldades, como a Argentina”.» (Como a Argentina?)

O Valupi é que tem razão. Precisamos de ajuda interna. E de emergência!

6 thoughts on “Um orador estimulante, um político e patriota brilhante”

  1. hoje, sim, apetece-me dizer: Vive la France!

    Ok, já me disseram vezes sem conta que o Hollande é para queimar, etc. Que se lixe. A Merkel vai ter de se haver com uma aliado socialista e ficar maneirinha. E para já, quem se f…, perdão se queimou foi um dos pilares emblemáticos desta direita europeia que cheira mal, mal, mal… Marchez, citoyens!!!

    Bem assinalado, ignatz….eu a pensar que nos encontrávamos em Manhattan, e afinal ainda fizemos um desvio por Paris.

    http://www.youtube.com/watch?v=lSSp6DyTFW4

    (legendas em Hollandês?)

  2. (ignatz. acontece várias vezes: andámos à frente do post). Mas lá está, o da Penélope, e está muito bem.
    we’ll always have Paris.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.