16 thoughts on “A grande oportunidade dos medíocres”

  1. O povo é tão iletrado que qualquer palerma bem falante o leva para onde quer. Não fossem os sacrificios e Passos Coelho estava no altar, por ter livrado o País dos criminosos do PS, que arruinaram o país, chefiados por Sócrates, Guterres e Soares. Foram eles que causaram este enorme sofrimento do desemprego. Passos Coelho, o PSD e a Direita, são uns santos. Deus os guarde por muitos anos.
    Esta narrativa da direita, mil vezes dita e em mil dias repetida, em jornais e telejornais, foi interiorizada por este povo terceiro-mundista em exigência ética. O povo da cunha e do desenrascanço e o povo que pensa, antes de tudo, em salvar a sua alma, num simulacro de sociedade solidária, do salve-se quem puder e do “Deus por todos e cada um por si”.

  2. Oh PP das Profundezas….”foi interiorizada por este povo terceiro-mundista”. Conversa da treta!! Já li a mesma merdice dita por um tal Vasco Graça Moura um idiota reacionário até dizer chega.

    O Povo que já votou PS e com maioria absoluta é o mesmo! A direita inteirinha mobilizou-se para deitar abaixo Sócrates. Ainda hoje há um bando de filhos da puta que lhe rosnam às canelas. Mas há medo muito medo que um dia (oxalá ) volte

    O resultado do PS na sondagem que tem uma credibilidade relativa é miserável porque tem um líder fraco titubeante e politicamente um desastre. Enfim…um Tó Zé Inseguro

  3. Acresce que a “esquerda” trauliteira também não sai bem na figura: continuam com resultados de merda.
    Está na hora do PS encostar o fotocópia-do-passos-zé seguro á parede e mostrar-lhe,como se ele fosse muito burro, porque raio é que não está a subir nas sondagens .

  4. Pois isto não vai com gravatinhas nem perfumes… E as sondagens são dependentes de quem as faz e com quem, são simples amostras multiplicadas, o universo é muito pequeno…

  5. Desde os anos oitenta se gratificam os ignorantes, na organização da cidade, na empresa, na inteligência comum, por homens eruditos e desonestos na globalização de todos os cantos do mundo. O jovem narciso nunca foi belo (brilhante) e está sempre distraído, a única primavera que lhe é devida é a de Hillary Rodam Clinton e seu império decadente de tanta propaganda, guerra, sondagens, tendências, Democracia de corruptos e economia de casino. Caga nisso e pára de olhar para o umbigo, os povos não vão pagar a divida eternamente enquanto tiras umas sandes do frigorífico cheio e te sentas a escrever calinada no computador.

  6. Epá antes dos anos 80 é que era! Só se gratificavam os cultos e inteligentes! Agora? É só jagunços das novas oportunidades que não sabem quem foi Braudel e só mamam RSI. Ah que saudades desse Portugal tão justo e livre! Que saudades de ter o frigorífico cheio de sandes e da minha máquina de escrever….

  7. Não confies no judeu rico, no grego bêbado, no turco pobre, e no português que fala de mama

  8. … e pelos vistos começaram as provas de aferição de provérbios judaicos adaptados. amanhã fazemos teste de física nuclear adaptada à cozinha de fusão alenteja.

  9. Breitling se conseguires fazer as novas hoportunidades convido-te para umas migas na região da alenteja, enterramos o machado de guerra e fazemos ensaios nucleares

    P.S. trás o GPS só tenho bossola

  10. os dromedários tamém, já os camelos vêm equipados com duas. vou pensar no assumpto, mas acho que não vou acabar as oportunidades a tempo e sou alérgico a enterros, lá vais ter que ensaiar sózinho.

  11. quem corre atrás do tempo corre para a morte

    (não é um provérbio alentejano (podia ser) mas é um bom contraponto aos provérbios judaicos). É um quiz: existe e tem uma proveniência.

    Até os amaricanos têm: se não sabes para onde vais, qualquer caminho serve. No nosso contexto, serve perfeitamente.

  12. Eu também Quiz manter o quem quer ser milionário mais tempo mas a produção não quer saber da cultura só pensa em audiências

  13. para que serve um armazém de cultura se não tiver massa cinzenta para a administrar? só se for para alimentar idiotas incontinentes..

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.