A tortura da privação de inteligência

Eis um exemplo da importância política de um pensamento apolítico. As universidades, mesmo em Portugal, têm todas as condições para produzirem saber (r)evolucionário. Basta pensar no assunto — qualquer um.

3 thoughts on “A tortura da privação de inteligência”

  1. Eu tinha-me prometido que não voltaria aqui. Mas o Luis sugere que o meu comentário anterior pode ter sido eliminado acidentalmente e, por isso, vou fazer a experiência.
    Queria sugerir mais uma visita ao meu blog, SOCIOCRACIA, onde coligi uma série de elementos sobre “o Negócio do Medo”. Há para todos os gostos, desde os factos fortemente indiciados, até “teorias da conspiração”, plausíveis. Tudo para demonstrar que há muita gente cuja consciência está a ser “agredida” pela campanha de medo da comunicação social e pela censura cerrada e cretina a este tipo de notícias… Peço a todos que divulguem, de modo a criar uma corrente que não possa mais ser ignorada…

  2. Valupi,

    Se continuas a ir beber a essa fonte,um dia destes vais querer levantar-te e as pernas não te deixam.

    Desta vez, foste descobrir um professor de Economia versado em tortura. Ou é a economia que anda de rastos ou é a tortura que já não doi tanto. What next? Retiros de meditação religiosa para malta do FBI na situação de reforma? Please…

    Tio Tadeu

  3. Biranta

    Obrigado pela informação. Aqui no Aspirina pode haver erros, mas não má-fé. Volta sempre porque isto é de todos (embora mais de alguns, pois).

    Titio

    É uma fonte santa, até tu podes ir lá beber que ela não fica inquinada pela bactéria da conspiriocinite aguda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.