União Nacional, mais de 80 anos ao serviço do mesmo e dos mesmos

Depois de se terem unido em 2009 para deixarem Portugal com um Governo minoritário. Depois de se terem unido em 2010 para aumentarem a despesa e diminuírem a capacidade de resistirmos à crise. Depois de se terem unido em 2011 para derrubarem o Governo e entregarem a soberania financeira a estrangeiros. Depois de se terem unido em 2012 para atacarem o Estado de direito. Que estão PSD, PCP, CDS e BE já a preparar para voltarem a fazer juntos em 2013?

13 thoughts on “União Nacional, mais de 80 anos ao serviço do mesmo e dos mesmos”

  1. Já cheira mal, uma mentira repetida mil vezes não passa a ser verdade.

    Onde é que houve aliança BE-PSD-PCP-CDS.

    O que eu vi E TODOS OS PORTUGUESES viram foi Socrates governar com e apoio do PSD e do CDS, no que diz respeito ás medidas mais gravosas que tomou contra os trabalhadores.

    Quem apoiou o PEC 1 , 2 , 3 ? Quem denunciou SEMPRE esses PEC,s ?

    Quem está na primeira fila na oposição FIRME ao governo PSD-CDS?

    Que se limita a uma oposição PIFIA ?

    O PS quando está na oposição, gosta de se mostrar atento aos problemas do mundo do trabalho, e dos mais desfavorecidos, quando governa mete essas preocupações na gaveta até á vespera das eleições e governa a contento da grande finança., com o apoio do PSD e do CDS , chame-se ele queijo limiano ou outro…..

  2. aqui , no canto , a observar , digo-te que tens praí um parafuso a menos ou que estás numa de jogos florais ou de tornar a dissonância cognitiva no povo português crónica. a situação do país deve-se ao ps e psd e esses que juntas para fazer número , e desculpabilizar 6 anos de governação , não passam de palhaços pobres. foram os palhaços ricos que fizeram isto : o mario soares , o cavaco , o guterres e o socrates. e como vês , em 4 nomes 3 são do ps.

  3. “a situação do país deve-se ao ps e psd”. Tanto tratado sociológico e político para explicar o óbvio: estas centenas de anos que fazem do país o que é são tretas socráticas: tudo se explica pela acção de três governantes socialistas. Perante a queixo duplo, fiquei com queixo triplo; como é que não percebi isto antes?

  4. e nem percebi que foste buscar o afonso henriques , ou assim. te digo que país fundado em matricidio não podia dar coisa boa.
    e agora estou a ouvir o luis pedro nunes a fazer figas para a espanha cair.. mas lá na espanha eles plantam o que comem.. não tiveram nenhum cavaco. pq , apesar de em 4 nomes , 3 serem do ps , o um do psd fez mais mal que dois dos outros juntos.

  5. porque não sou tão clarividente como tu, queixo duplo, nem toda a gente está isenta de palas e atinge a perfeição de análise histórica e social, a verdade esclarecedora, como tu, queixo duplo. Para alguém que tem uma visão tão superlativa daquilo a que chegámos, não há necesidade de se rebaixar aos cegos e fazer esse tipo de perguntas, ainda por cima depois de ter dado razão…não ficaste segura depois de tal depoimento?

  6. gosto sempre de aprender contigo: portanto, pelo menos em Espanha, “não tiveram nenhum cavaco. pq , apesar de em 4 nomes , 3 serem do ps , o um do psd fez mais mal que dois dos outros juntos.”. Já nós, não…tema de meditação antes de ir para a caminha. Obrigada, queixo duplo. Over and out.

  7. é pá ,. queixo impecável , graças a não sei quem , não sofro nem de etnocentrismo nem de , muito mais grave , tempocentrismo.

  8. e daaaaaaaaaa……….. para mim é claro pq não gostam do Seguro : deitar e a mão no pote vai ser bem mais difícil , não é nada mediático , mau produto de vender , não faz nada que os média man aconselham , não vende dove , nem edp ..bom líder é aquele que encurta a distancia entre a boca e o mel , né? mesmo que deixe o país de pantanas. o sentido de estado dum post praí do V é sintomático da doença desta merda : sentido de estado tem quem defende um líder ? vai ali ver se chove.
    e claro , eu estou com os as pessoas antigas : tudo é preferível a um mundo construido por intermediários. nem que seja pq sem intermediários não há a quem deitar culpas.

  9. A última grande orgia da direita parlamentar, (PSD e CDS, com a direita travestida, BE e PCP), pariu o chumbo do Programa de Estabilidade e Crescimento, PEC IV, presumo que estes bacanos estejam com alguma dificuldade em arranjar um novo estímulo masturbatório colectivo, dando a entender que se deve estar a passar por uma fase de grande actividade punheteira.

    Do dia do bacanal ficaram estas pérolas:
    “Jerónimo de Sousa falou dos sacrifícios que foram exigidos aos portugueses…”. Mais: o líder do PCP acusou o Governo de levar o País a caminhar “de marcha-atrás”
    – E agora Jerónimo, com a tua ajudinha, estamos a andar como ? – Os trabalhadores estão melhor agora ? E os professores estão bem ?

    Paulo Portas: “Hoje o que discutimos aqui é o facto dos mercados, das agências e das instituições não acreditarem no PEC anterior”
    Portas referiu que, se dissesse sim ao PEC4, estaria a ser “cúmplice do protectorado” “Nos próximos anos o que temos que recuperar é a liberdade de Portugal”
    – Este gajo é o cúmulo da falta de vergonha na cara, por falar nele, onde é que ele anda ?

    Manuela Ferreira Leite diz que “As mesmas medidas tomadas por outro Governo teriam outra reacção dos mercados”
    “não se pode esperar mais nada deste Governo”, porque “desbaratou a confiança”
    – Ha ! Ha ! Ha !, por falar nela, onde é que ela anda ?

    Heloísa Apolónia: “Este PEC é uma absoluta atrocidade, que esmaga”, diz ainda que o PEC “dá dinheiro aos grandes de Portugal e retira aos portugueses”.
    – Nem vale a pena falar do facto dos grandes poderem ser portugueses. Verdes, PCP e BE podiam-se meter todos no mesmo saco.

    Francisco Louçã, referiu que o Governo não se preocupa com o desemprego, as políticas sociais ou a precariedade. “O que este PEC faz, e por isso o Bloco de Esquerda votará contra de uma forma clara…”
    – desemprego: check ; políticas sociais: check; precariedade: chek. -O Francisquinho deve estar radiante com o Portugal que, também ele, está a ajudar a construir. (ou será a destruir ?).

  10. e prontos , o V ,etnotempista , está do lado errado da história : duvida que a net vai contrariar o individualismo que permitiu a sociedade de massas ( e partidos de massas e essas coisas que eu detesto ligadas ao poder , comunicação prás massas e tal ) :)))))) um carilhosinho , o V , e nem deu conta disso. se o carilho não tivesse dito da sua justiça o V nem se pronunciava . nem sequer acredita que uma cena com 10 anos de existência e provas dadas ( Anonymous , Assange e mais que vão aparecer) irá mudar o mundo tanto como james wat mudou.

  11. ai.. tou cá com uma diarreia verboristica , desculpem .
    mas a democracia representativa ( aquela que o V defende : sem partidos ai ui o inferno só pode , que sem mediadores , o povo.. burro e tal ) nem sequer já tem legitimidade , temos governos com 20% de votantes.
    efectividade ( boa governação) suponho que não há ninguém que se atreva a discutir ( bancarrota ? países empobrecidos ?) ; legitimidade suponho que haverá uns tantos militantes sedentos de pote que a queiram discutir.. mas gostaria que trouxessem os 50% ( às vezes mais ) de abstinentes à liça. não votam pq são maus cidadãos ? querem lixar a vida aos intermediários ? OU A TRETA DO SISTEMA È UMA CACA e a gente não é tão parvo assim que alinhe naquilo que foi montado para favorecer os que deviam estar a ser fuzilados neste preciso momento em que eu escrevo palermices?
    algures li que a democracia representativa é bué fixe , sem ela nunca saberíamos que há tanto ladrão. de vistas curtas não sofria o gajo que escreveu a quadra.

  12. Val, é mesmo assim que devemos guardar a memória desses tempos em que a ansiedade da direita de recuperar o poder e o desespero da dita “esquerda revolucionária”, que constatava o vazio do seu discurso, se uniram na mesma frente para destruir o que esforçadamente e COM RESULTADOS À VISTA, o governo minoritário de José Sócrates e da sua equipa estavam a conseguir…! É que é preciso sublinhar ainda outro elemento de prova desta podre união – é o voto do aumento das verbas a atribuir às regiões autónomas!!! Que até o insuspeito economista Vitor Bento veio expressamente condenar que o parlamento tal tivesse aprovado contra a oposição do governo…!!!

    Mas, Val, hoje faço anos – são muitos mas ainda com muita força – e só lhe quero agradecer a possibilidade que nos dá de podermos compartilhar as reflexões da sua mente brilhante (esta última é só para chatear os comentadores “oposisionistas” que aqui caiem que nem moscas, ah, ah!).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.