Tomb Raider: Underworld_trailer

Foi preciso esperar dois anos para surgir quem superasse Gears of War_Cinematic; o qual já vinha com o balanço de outro clássico, tendo-se ido lá roubar a canção e o lirismo. A singular fama do trailer Gears of War até deu origem a paródia pela concorrência, no Bad World do jogo Battlefield: Bad Company. Pois, este é o feérico, e cada vez mais valioso, reino dos joguinhos de computador (uma consola também é um computador, tá?). Tão valioso e criativo que o melhor talento do cinema, vídeo e televisão está a entrar nesta indústria aos magotes e aos pinotes.

E de fazer o pino, e começar a bater palmas, é a primeira mini-curta de promoção ao jogo Tomb Raider: Underworld (ver em HD, não esquecer). Estamos perante um exercício de pura geometria que nos apresenta dois finais concomitantes, separados pela acção que os revela como dois pontos de vista do mesmo acontecimento. Dessa forma, cria-se uma circularidade onde o tempo é desdobrado para se constituir como eterno retorno: no começo está o final, no final está o começo — e a energia deste movimento vem de uma mulher, a qual se retira de cena deixando tudo em chamas. É pouco? Então, toma lá a Lacrimosa, do Requiem de Mozart. Ninguém terá feito tanto pela promoção da música clássica junto de centenas de milhões de adolescentes como o cabrão que se lembrou de escolher essa peça para o filme.

Brilhante. E nunca visto antes.

6 thoughts on “Tomb Raider: Underworld_trailer”

  1. Valupi,

    “centenas de milhões de adolescentes” e mais uns quantos gajos como tu, porque quando aqui há uns anos viste o Primal Fear e ouviste a Lacrimosa ficaste caladinho que nem um rato.

  2. és muito bom a topar estas coisas Valupi, então já vi que hoje é para ir equipado,

    Substantia, desculpa lá mas compreenderás que tenho que te perguntar isto: a Anne Cauquelin (2008) diz: «A paisagem tem as propriedades da eternidade da natureza, um “sempre já lá”, anterior ao homem e, sem dúvida, posterior a ele. Numa palavra a paisagem é uma substância.»

    Concordas?

  3. SUBSTANTIA, o Primal Fear não é a melhor fonte para audições da Lacrimosa.
    __

    z, excelente questão. Vamos lá ver se tens direito a resposta.

  4. não é provocação, é que ando mesmo a estudar isso, e já agora ouvia um perito, mas só se ele quiser claro, é capaz de achar que é assunto íntimo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.