Quando o Domingos lá for para o Porto, onde será muito feliz, contratem este Steve Kean, please

Simon Vukcevic completou o processo de transferência para o Blackburn Rovers, da liga inglesa, e assinou contrato por três anos. O montenegrino deixa desta forma o Sporting, após quatro anos marcados por frequentes polémicas em Alvalade, recebendo o clube leonino cerca de 2,3 milhões de euros.

A transferência foi já comentada pelo treinador Steve Kean, o qual revelou que para Vukcevic se tornar opção falta apenas a necessária licença de trabalho. «Ele deve voltar amanhã para Inglaterra e trazer já a papelada necessária. Se treinar quinta e sexta-feira, então pode estar pronto para o jogo com o Everton.»

De resto, o treinador do Blackburn desfez-se em elogios a Vukcevic. «É um jogador excitante que tanto pode jogar na direita como na esquerda. Ele é um rapaz muito focado, leva o futebol muito a sério. Gosta de puxar pelos adeptos, gosta de ser o jogador que faz a diferença e ganha os jogos», referiu.

Fonte

4 thoughts on “Quando o Domingos lá for para o Porto, onde será muito feliz, contratem este Steve Kean, please”

  1. Que seja muito feliz, marque muitos golos e mande muitas saudades que foi coisa que não deixou. Em Alvalade fazem falta TODOS os que jogam: nem um a mais ou a menos. O Sporting devia oferecer a alguns adeptos Xanax ou um outro anseolíticos com a compra do bilhete. Saber esperar sempre foi uma virtude. Depois de vassourar o lixo e uma ou outra imundice é o momento de dar tempo à poeira para que assentar. Aos domingos exige-se paciência. Para terminar: Quem é o Steve Kean do Everton?

  2. O SCP já não é um club de futebol, é um enorme grelhador de dirigentes e treinadores. Nem sei como o Domingos caiu na esparrela, quero dizer, na grelha. Já está mais frito que um carapau. E eu que até gostava do rapaz. Que sirva de liçâo aos jovens treinadores. Comecem longe do SCP.

  3. É verdade – eu paguei as quotas há dias mas o SCP já não existe, existe apenas uma memória, nada mais. Agora querem uma equipa de futebol mas o problema é quererem lutar contra PC e o FCP com as mesmas armas e isso é impossível. Para jogar para o quarto lugar basta a prata da casa – o Cedric, o Nuno foram vice-campeões do Mundo. O miúdo que foi para Olhão marcou um golo ao SCP, o Adrien faz falta, o Tonel faz falta, o Vukcevic faz falta. Compram passes de 16 jogadores para jogarem pior do que se fosse com a prata da casa. É repugnante, pago as quotas mas não me apanham lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.