17 thoughts on “Perguntas simples”

  1. Qual quê, é só aguardar mais um tempinho que o Europeu está mesmo aí e daqui a uns dias (jogos), já só se vai discutir se se jogou bem ou mal, se a tática do Bentinho resulta ou não e que a vedeta que tratou o Cavaco por “você” só marca golos ao serviço do Real Madrid.
    Além disso o Magno deve andar atarefado a correr as lojas da baixa a ver se encontra uma gravata igual à do Relvas. E como de costume, “no paso nada”.

  2. Não é bem isso Aeme. Está a empatar para ter oportunidade de encher de palmadinhas as costas o impoluto ministro. Entretanto, a jornalista impertinente para com o seu (do Magno) querido ministro, despediu-se por ter sido tratada abaixo de cão pela direcção do jornal do Belmiro. Quem se mete com alguém da direita, leva. À cautela, o autor deste “leva” já se solidarizou, empenhando a própria alma, com o Relvinhas. Afinal, agora pertence ao club dos ricos.
    Diz-me lá, Bagonha, se não foi uma puta que pariu isto tudo!

  3. tudo como previsto: o Conselho de Redacção demite-se, a jornalista demite-se (não se fala muito sobre isso, mas foi sobretudo porque acharam que o artigo que tinha para publicar era demasiado comprometedor e traria chatices para o pasquim -porque é isso que continua a ser ). o ADN Zé Manel laranjinha ficou assegurado lá dentro e nem que dê dez milhões de prejuízo ao ano, os “chaves” (não me perguntem porque sao designados assim), mandam na coisa. Ti Belmiro até faz de conta que não tem nada a ver com isto. Enfim, outras “lojas”, outras lógicas.

  4. olha o chico chateou-se e entrou em modo monólogo, perdendo, assim, alguns elogios que por certo deveria apreciar. Está no seu direito. Pelo menos assume e não vem com desculpas esfarrapadas de “primeiro agradeço os comentários favoráveis e depois, ah, desculpem foi engano, agora que começo a levar
    com bocas discordantes, lembrei-me que não era para ter comentários”.

    Guida, Penélope e Val e Vega; ainda se pode falar por aqui?
    Oh gracias,
    http://www.youtube.com/watch?v=WyOJ-A5iv5I&feature=fvwrel

  5. só achei o título do post de fecho um pouco pretensioso: “aspirinab” . mas chico, tu és o aspirinab?
    (a propósito, acho que te deviam cortar os comentários no aspirinab: justo, não?)Questão de simetria e igualdae de direitos e (ou não direitos).
    E como eu própria estou hoje em modo momólogo, aqui fecho: fuck the police
    http://www.youtube.com/watch?v=k6BTHleeOOI

  6. Meu caro José do Carmo Francisco, este euzinho que lhe escreve declara que NUNCA enquanto durar a censura não volta a ler nem a ponta d’um corno que voltar a escrever AQUI
    Passar bem.

  7. O Xico quer fugir com o cu à seringa.
    Mas parece que não se safa. O pessoal passará a fazer os comentários ao Xico Francisco Trambolho noutros posts. Olha lá o que tu arranjas-te ao pessoal.
    Se tivesses juízo não botavas era mais posts. Agora como és burro e os burros não se vêm ao espelho estás convencido de que prestas um bom serviço quando, na verdade, bom serviço seria calares de vez ou então só falavas da EMEL, da Benedita e da Judite.
    BUrrrrrrrrrro! Burrrrrrrrrro! Burrrrrrrro!

  8. ò pazinhos, eue num tô apercever rien de rien. mas que faz o XICU FRANCISCU do Carmo? num bejo nada iscrito por ele, carago, onde é cu gajo escrebeue?
    Fogo, o TRAMBOLHO aprontoue, outra poia literária, eu tô com uma carga binica em cima,mas nessas alturas bê-se a dubrar, agora num bejo nada, caraco.
    O magno quem é esse caramelo? é do poder? ó pas ataoe num interessa, meus, o gajo debe ter a lingua gasta de tanto lamber calçado, caraco. Ponham o tipo no curral pas, mas afastem as mulas, que estas só gostam de gajos bem parecidos e as bacas só lida com pessoal de nibel elebado, cumó relbas, pá, a histérica.

  9. Gostaria de saber onde está a liberdade que, até hoje, se tem apregoado existir no aspirina. Se o JCF já era insuportável antes, que fará daqui em diante! Para já, não é pessoa que saiba alinhavar duas linhas. Isto pode ser «apreciado» nas SEIS linhas que escreve no seu «comunicado»: um emaranhado de palavras e de pontuação absolutamente péssimo. JCF não sabe escrever. E não é civilizado. Os comentários que recebe tem sido ele, ao longo dos posts que publica, que os motivou, que os provocou. É mesquinho na abordagem que faz em relação aos outros. Dele partiram os insultos ordinários que, pela primeira vez, foram lidos aqui neste blog. Diz mal de todos e de tudo. É vaidoso de uma forma que causa repulsa. Os seus «poemas» são uma autêntica vergonha! Pensará ele que sem caixa de comentários o vão tomar a sério? Impossível! O seu valor literário (nenhum) e a sua conduta como pessoa já ficaram bem demonstrados em tudo aquilo que tem escrito no aspirina. Com tudo isto, ficamos a saber que a censura voltou para ficar. O lápis azul está de novo em riste. Lamentável, portanto. E logo num blog que se auto-proclamava «um espaço livre e aberto». Mas fica aqui uma sugestão, ao contrário do que acima escreve «mais_outro»: poderão os leitores fazer os comentários aos posts do JCF nos posts do valupi ou da Isabel! Mas, não. Porquê? Porque a CENSURA existe aqui no aspirina! Que pena e que VERGONHA!!!! O JCF já não pode chamar aos seus comentadores: cabresto, fdp, cabrão, lixo humano, cavalgadura, bandalho, chanfrado, trambolho analfabeto, grande calhau, grande bruto, grande charolês, monstro, pobre… Nem escrever: O que tu dizes não conta para nada, não sabes nada, não és ninguém, és um animal, és uma anedota, ó maluco vai para o hospital, vales menos que o peido de um vendedor de burros… Lindo, lindo de morrer! Eu acho é que as caixas de comentários deviam continuar abertas e que o valupi devia «fechar» os posts do JCF. Censura, por censura, estava muito mais correcto!

  10. lá se foi a secção humorística analgésica do bronco da benedita. já temo pela vida, será que foi ele que me confundiu com o fonseca e costa? e a bécula terá gamado a carteira à senhora que o acompanhava? será que o xóriço do carmo irá pôr isto em romance e a emel em personagem principal, visto que o gajo tinha saído de casa para re-arrumar o citroeihn? gostaria de ver as respostas no próximo 900 linhas, que lamentávelmente terei de comentar em caixa alheia. oh xico! a benedita chora por ti, volta para onde nunca deverias ter saído, que o presidente da junta põe-te wireless à porta e 10 hectares de estacionamento.

  11. oh bronco da benedita! lá se vai o meu divertimento favorito, malhar no cromo-poeta. chuifff… agora só me resta rezar para que voltes atrás, comme d’habitude, com a decisão de encerrar os comentários. para dares um ar democrático à coisa podias fazer um poste sondagem ao assumpto em epigrafe, depois falsificavas os resultados para justificar a tua atitude e de seguida num acto magnânimo digno de um cavaco dizias: apesar de tudo deixo os filhos da puta comentarem.

  12. Ó ´PÁS EU NÃO ESTOU A PERCEBER NADA DE NADA, QUE SE PASSA FOGO? O QUE É QU EO TRAMBOLHO APRONTOU, CARAGO? ALGUÉM ME RESPONDE, IRRA?

  13. Ah. Já descobri, ó TRMABOLHO, pá, devisa fechar a loja dos comentários e devias calar-te também, não escrevendo.

    TU DESDE SEMPRE INSULTAS OS OUTROS. Ó SEU FALSO, você acha-se melhor que todos, você está em todos os juris, você conhece toda a mulherada, você chama nomes aos mortos dos leitores, você teve a audácia de chamar AVô TORTO ao meu avô, você teve a audácia de me chamar fdp, você teve a audácia de me chamar lixo humano, bandalho, tambolho, charolês, animal, Você teve a audácia de desejar ver as tripas dos filhos daputa ao sol!!!! Quer mais? A única audácia saudável que você teve foi a de nos mostrar o animal que é!

    Você não aceita as críticas á porcaria que escreve, quase sempre sobre si.Você é um complexado, um carente, uma pessoa só. Aprenda a estar em sociedade e saiba que entre burros e inteligentes, podem estar alguns dos que o comentam gozando o prato. Para mim, você está para a literatura como eu estou para o cântico gregoriano. Eu não sei cantar, ó pazinho, tás a bere? Portanto, se você quer ser respeitado, respeite os outros, porque aquielo que semeia é o que colhe e sim, tenho gozado á brava com a trampa gráfica que escreve, cum caraças, até tenho que saber do seu citroen e da hoover!

    Não gosta, não come. Mas se não quer vómito, não ofereça o prato aos outros, tábem?

  14. Perguntas simples

    Carlos Magno, demora muito?

    O Xico demora muito? (quem é que lhe dá o pontapé no cú?)

  15. O Carlos Magno não demorará, agora, muito. Dirá, por certo, que: “Por falta de provas, o processo é arquivado…” Ele só esteve a maturar a decisão do Belmiro, quando na sua única, incisiva e já agora definitiva declaração, decretou a “morte” da jornalista. Por acaso houve alguma solidariedade do Sindicato dos Jornalistas? Quem ganhou, conforme tinha “decretado” foi o Relvas e se calhar isto não fica por aqui…
    Só espero que a jornalista não se cale, que escreva o que sabe e o que é passível de ser entendido por todos. Eu sei que não há mitos órgãos de comunicação social independentes e, como tal, é difícil alguém “comprar” a ideia, mas ao menos que escreva em blogues ou noutros meios. Já agora, eu (e julgo que muitos outros milhares de possíveis leitores) ficava-lhe agradecido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.