30 thoughts on “Mário Liberdade Soares”

  1. No comentário supra, temos um belo exemplo de esmerada educação.
    Soare, foi apenas um dos (vários) timoneiros, do Portugal recente, que traçou um porto de destino …
    O resultado está à vista . Cada um pode aquilatar .

  2. “se excetuarmos Pessoa, Soares foi o maior português do séc. XX” – Arrebenta

    soares foi um gigante, um homem incrível.

  3. Esta foto é, integralmente, o programa para Portugal que cada um dos dois fotografados trazia consigo, dentro de si, naquele momento ao festejarem o 1º primeiro de Maio em liberdade com o povo nas ruas.
    Um exuberante e sorriso aberto comungando com o povo a festa da liberdade e o outro de rosto fechado, olhando para dentro de si, indiferente à alegria do povo, com o pensamento carregado de planos de poder.
    Um estava vivendo a alegria de ver e viver o seu sonho de liberdade na rua com o povo o outro de boca cerrada, olhar e pensamento concentrados nas possibilidades abertas do assalto revolucionário aos palácios do poder.
    Está, nesta foto, fielmente retratado o projecto de vida que cada um deles prometia dar aos portugueses.

  4. “Soare, foi apenas um dos (vários) timoneiros, do Portugal recente, que traçou um porto de destino …”

    quem é que liderou o processo? e já agora bota aí o nome dos outros pilotos de barra. vai mazé ler a imprensa internacional e se tiveres dificuldade, pede ao xtrume que ele traduz.

    “O resultado está à vista . Cada um pode aquilatar .”

    o resultado foi democracia e liberdade que te permitem retraçar o intestino do porco e expressar as grunhices.

  5. muito melhor que Pessoa são Nemésio e Aquilino… os dois do século XX. tão estranho um povo que não liga quase nenhuma a dois génios e se baba por um ciclotímico depressivo chato como o caraças.

  6. Para mim, o último combate político de Mário Soares, a denúncia da ignomínia de que José Sócrates foi vítima, foi tão ou ainda mais nobre do que o primeiro. Na debilidade do ocaso da vida, sair do sossego do pedestal onde a História já o tinha colocado, e expôr-se às cuspidelas das turbas de pelourinho, para defender, quase sozinho, com a convicção inicial de quem ama a liberdade, o perseguido pelos que enxovalharam o Estado de Direito e a decência na vida pública, muitos dos quais agora o veneram, é um farol de luz em tempos de desordem e cobardes. Obrigado.

  7. ora aí está o farol mais aceso da demência de Soares, Lucas Galuxo: jurar inocência por outro.

    (eu cá prefiro lembrar-me dele a mascar chiclas enquanto fazia campanhas. Soares era fixe.) :-)

  8. “Lembrando o seu passado de antifascista, o PCP regista as profundas e conhecidas divergências que marcaram as relações do PCP com o Dr. Mário Soares, designadamente pelo seu papel destacado no combate ao rumo emancipador da Revolução de Abril e às suas conquistas, incluindo a soberania nacional.”

    http://www.pcp.pt/face-ao-falecimento-do-dr-mario-soares

    alguém lembre estes fosséis que o “rumo” era o abismo, as “conquistas” o saque e a “soberania nacional” a entrega à urss, para não falarmos do mais importante, outra ditadura em vez de liberdade e democracia. agradeçam ao soares não terem sido ilegalizados e deixem-se de parvoeiras.

  9. o rumo ao abismo ? oh meu Desu , não me digam que o Soares mudou o rumo e mesmo assim viemos parar ao abismo das bancasrrotas e caos generalizado ? ele ha coisas do caneco. deve ser isso a que se chama destino :)

  10. Lucas, da vergonha não te posso salvar tal como não posso auxiliar o Valupi porque, depois do que se passa no seu blogue, o lixo que produz a sua fauna seria para mim motivo suficiente para me encher de vergonha alheia e ponderar até se o deveria fechar (o que seria assumir a responsabilidade dessa vergonha, na verdade). Mas eu sou eu, e sobre a longa vida de Mário Soares está online um belíssimo testemunho de quem com ele privou.

    António Valdemar no Expresso: Soares, tal e qual
    http://leitor.expresso.pt/#library/expressodiario/Especial-Soares/caderno-1/temas-principais/soares-tal-e-qual

  11. foda-se básico falas mal deste cantinho da blogosfera, mas não tiras o cu daqui!! Não gostas desampara a loja, perdemos umas boas risadas da merda que escreves, mas pelo menos ganhamos em qualidade do que se lê.

  12. aeiou, o moço não gostou que falasses em fauna o que se compreende porque é um fungo.

    Ou seja, há duas hipóteses e ambas verdadeiras:
    – sendo um fungo come literalmente o lixo que produz a verdadeira fauna do Aspirina B, literalmente.
    – sendo um fungo, e é ele próprio que se desenvolve no lixo e, neste caso, torna-se num caso de saúde pública.

    Eis o elo perdido, tanto na Amazónia como em Beirolas.

  13. por respeito a Soares, um dos melhores portugueses de sempre, vou poupar os do costume ao chorrilho de vitupérios com que, merecida e habitualmente, são enxovalhados e postos no lugar.

  14. Para o porco democrático :

    “quem é que liderou o processo? ”
    Sei lá !
    Qual processo ?
    Os autos ?
    Pergunta ao Iguana ( i.e., a tí mesmo ) .

    “e já agora bota aí o nome dos outros pilotos de barra.”

    Qual barra ?
    A de Lisboa ?
    Tens pinta de imperialista de Lisboa, por tanto, olha aqui
    http://www.portodelisboa.pt/portal/page/portal/PORTAL_PORTO_LISBOA/NAVIOS_PILOTAGEM/PILOTAGEM

    “vai mazé ler a imprensa internacional e se tiveres dificuldade, pede ao xtrume que ele traduz.”

    Não posso. Sou analfebecto. Um producto da democracia . O currículo, em demo, é muito importante, e eu não detenho licenciatura . Sou, por decorrência, um excluído.

    “o resultado foi democracia e liberdade que te permitem retraçar o intestino do porco e expressar as grunhices.”

    Pois foi, então não foi ? Democracia pra comer carne de porco . Por via digestiva, e incluso, em texto sob a forma de insulto ( ou como diz o imperialista lisboeta, em testo ).

  15. Umm, pelo teor do enxofrado supra ( ou super enxofrado, melhor dizendo, super chanfrado, parece que não chegamos a bom porto, hehehe ).
    E continua enroupado na jurisprudência do sapateiro de Braga ( ” e já agora bota aí o nome dos outros” ), hehehe, e o pide sou eu …

  16. Sem dúvida Galuxo.
    Lúcido Combatente por um Estado de Direito até ao limite da sua Imensa Força, Coragem e saber de Amigo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.