2 thoughts on “Jornalismo que nos humaniza”

  1. ” “Foi um cliente inesquecível. Quando o soltei em 2002, comprei minha casa e uma casa para os meus pais. Na época, ele me pagou 250 mil dólares”. Robertinho marcou a conta bancária de Flávia, e também seu coração” ,
    pois , casas e contas pagas com dinheiro ganho com cadáveres e vidas de heroinomanos humaniza bués, ficamos logo com uma visão total da miséria humana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.