Finalmente chegou a aprovação de Paris, já podemos anunciar

Este blogue habituou-se à paridade sexual e agora não quer outra coisa. Para regressar a esse equilíbrio convidámos o Júlio, um nosso amigo de longa data, a juntar-se à equipa. Ele vai passar a presentear-nos com a sua superior e implacável escrita tendo ao dispor todos os recursos de edição.

Vai ser de arrebimbomalho.

14 thoughts on “Finalmente chegou a aprovação de Paris, já podemos anunciar”

  1. qual júlio? de arre bimba e com autorização de paris, é o tio do socras, só pode.
    se quizerem apagar, fáxavor, mas não deixem muito tempo ao sol para não contaminar.

  2. Bem-vindo à casa, Júlio. Ou antes, parabéns pelas chaves.
    (Bebidas no sítio do costume, há gelo no congelador, o whisky 18 anos é do chefe e ele não gosta que lhe mexam, foi um presente do Charles Smith. Microondas na sala de reuniões, o papel higiénico está a acabar e é a tua vez de comprar. Mais uma vez, bem-vindo)

  3. Júlio, não digo bem vindo, porque já cá estavas e és dos melhores.
    Mantém o diálogo aqui na caixa, OK? É isso que dá colorido ao aspirina.

  4. Parabéns ao Aspirina e ao Júlio. Eu sabia que o grande chefe (vénia) iria concordar. Vai ser mesmo de arrebimbomalho.

  5. Obrigado pelas simpaticas boas-vindas, embora já aqui ande há uns anitos. É agradável saber que tenho leitores e que esperam de mim umas tretas inteligentes e aceradas. É o que eu espero de vocês e não me tenho sentido defraudado…

  6. Julio,não o conheço,mas com tanta unanimidade,só lhe posso dizer: bem- vindo ao pais governado por retardados.espero, que traga da cidade luz, noticias deste pais amordaçado….

  7. de Paris chegou a ordem para arquivar o famoso caso “freeport”;
    os procuradores, inspetores e outros mais deveriam ser imediatamente submetidos a avalição de foro psicológico por manifesta insuficiência de QI para desempenharem os cargos para que foram nomeados…

    entretanto têm QI que baste para aderirem aos partidos da direita…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.