5 thoughts on “Exactissimamente”

  1. A ser como nos diz o autor será mais uma achega para se acabar de vez com
    o Tribunal Constitucional e, criar uma Secção no Supremo Tribunal que trate
    da apreciação de constitucionalidade das Leis e outros casos!!!

  2. “A Constituição não vigora em agosto?”

    Nem nos restantes meses do ano, devido aos atropelos e entorses de que é vitima. Ela por si não se pode defender dos ataques contra Ela praticados, pelos poderosos. A “arraia miúda”, enquanto não se capacitar, que tem de defender os interesses próprios mais ativamente, de nada lhe serve ter uma Constituição, formalmente progressista, mas que não passa disso mesmo.

  3. Já José Vilhena publicou, em 1978, uma “notícia” segundo a qual a menina Maria da Constituição da República e Silva, com apenas 4 anos de idade, teria sido repetidamente violada desde que nascera…

  4. Suspende-se para férias.
    Também há inconstitucionalidades temporária – exemplo, os cortes do Coelho aos funcionários públicos no activo e em especial aos reformados – que o TC considerou inconstitucionais, mas toleráveis por breve periodo de tempo . Aliás, o antigo presidente do TC, chegou a dizer – a propósito do “ misterioso e sibilino corte de 600 milhões “ que ainda faltava fazer – que a Constituição “ falava de uma reforma mas não estipulava qual o valor“ .
    He he he, pasme-se, dessem-lhe tempo e o homem ainda viraria pior que o Coelho .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.