Diz um especialista em política de medo

Em declarações à Agência Lusa, Aguiar-Branco condenou o facto de Francisco Assis usar o “chavão recorrente” de acusar o PSD de querer acabar com o Estado Social, acusando-o de “ter uma política de medo em relação aos portugueses”.

2011

“Nós temos em Portugal um Governo sob suspeita e isto corrói as instituições e mina a autoridade do Estado. Pretendem o Estado não para servir os portugueses, mas para servir o Partido Socialista. É um Estado que visa estar em todos os sectores da sociedade portuguesa. Isso é uma visão retrógrada, uma visão sovietizada, afirmou ontem o vice-presidente do PSD, Aguiar-Branco.

Aguiar-Branco, que falava na festa do PSD, no Algarve, recordou os casos do Freeport e das alegadas pressões sobre os magistrados, que envolvem figuras ligadas ao PS, incluindo o primeiro-ministro.

2009

4 thoughts on “Diz um especialista em política de medo”

  1. Pois o PS é que tem uma política de medo. Como classificará o Aguiar-Branco as declarações do Pacheco Pereira quando diz que Sócrates é um homem muito perigoso e o compara com o diabo? Ou o Catroga que, numa entrevista ao Público, o compara com o Hitler? Isto sim é política de alto nível.

    E depois, perante a balbúrdia que vai no PSD em que de manhã o Passos diz uma coisa, à tarde o Catroga diz outra e, se for preciso, à noite dizem ambos o contrário do que antes tinham afirmado, o PS está proibido de fazer críticas. Se o fizer vem o Passos acusá-los de terrorismo político. Também não está mal.

  2. É gente de elevado nível técnico, politico e moral. Fazem o mal e a caramunha! Passam o tempo a congeminar “rasteiras”, a colocar bombas em todo o lado e acusam os outros de Terrorismo. Pensarão que estão noutro país? Que na tentativa de confundir os eleitores, pensarão que todos esquecemos as campanhas organizadas na tentativa de assassinato de carácter visando o 1º ministro ao longo destes seis anos?
    Agora vem o Catroga acusar Socrates de ser um novo Hitler? E que dizer do Relvas que n hesitou em recorrer a uma fraseologia abjecta e criminosa, tentando envolver os filhos e a familia do primeiro ministro, na campanha suja do PPD?
    Ou é desespero ou ódio cego. Primario e irracional. PRIMATAS!

  3. Só já falta ressuscitar o Oliveira e Costa esse brilhante secretário de estado do orçamento que virou banqueiro/empresário (PEÇO DESCULPA AOS EMPRESÁRIOS) e já agora volta Dias Loureiro que fazes falta para fazer prova das falcatruas e falta de honra do 1º Ministro Sócrates, sim este brilhante conselheiro de estado? A convite do moço do Poço de Boliqueime, aí desculpem-me que o mais honesto que já nasceu, o Aníbal Cavaco, mudou mudar o nome para Fonte porque ser do Poço de Boliqueime era menos digno. Sim estes senhores é que são honestos e pessoas de bem, e como já me baralhei fico por aqui.

  4. Errata:
    Onde se lê … mudou mudar o nome para , deve ler-se ….mandou mudar o nome para.
    Peço desculpa pelo lapsos lingue, mas acontece.
    É como o possível, vai pensar, talves ministro das finanças do PPCoelho, que manhã sobe o iva da cerveja e depois de almoço, mantém o iva da cerveja mas sobe o iva do vinho, o homem ou bebeu ou leu a cartilha do padrinho de cabeça para baixo, proque este dizia que dava de comer a um milhão de protugueses, já viram quanto o iva aumentava?
    Sim este sr que é a voz do dono velho e nunca tem duvidas e que raramente se engana não atina com o dono novo, ele diz que acaba com a taxa iva intermédia e depois o dono novo diz que não, mas enfim pode ser que até 5 de junho, não sei de ano, eles comecem a acertar o Passo, se este resistir depois de 5 de junho mas de 2011.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.