Disto, patriotas, não há na actual direita

Soares manifestou-se muito satisfeito com a eleição de Assunção Esteves para o cargo, classificando-a como “uma mulher extraordinária” e “muito grande constitucionalista”.

“É estimada por todos e foi aplaudida por toda a Assembleia da República, o que é qualquer coisa de grande, além de ser a primeira mulher que vai ser presidente da AR”, referiu.

Fonte

9 thoughts on “Disto, patriotas, não há na actual direita”

  1. Li ontem o comentário que Assunção Esteves fez sobre a vida e obra de José Saramago a quando da sua morte. Fiquei surpreendido. Tão surpreendido que tive de me certificar se se tratava, de facto, da recém eleita Presidente da Assembleia. Não esperava, de quem se sentava à direita do hemiciclo, palavras de tão sincero e rasgado elogio, ao homem e à obra, de alguém que a triste direita deste país tão mal tratou. Honra lhe seja feita! Fosse desta têmpera a direita deste país e outro galo cantaria!

  2. O Soares disse isso? Não admira!

    Não é democrata quem se diz democrata. Pode-se gostar de futebol sem o praticar mas não se pode gostar de democracia sem a praticar. Por isso é que toda a gente se diz democrata mas só uns quantos a conseguem praticar. Nesse aspeto o Soares é um Senhor.

  3. Mário Soares defendeu este sábado, em Arcos de Valdevez, que o Partido Socialista “tem de ser refundado” e ”ter política a sério”.

    Um postezito sobre esta evidência cartesiana?

    Ou não ouviram o homem dizer isto?

    Surdez ou amnésia? Parkinson? Fanatismo? Alzheimer? Penso que uma mistura de tudo isto vos impede de ouvir o homem.

    Afinal o bochechas ainda não está gagá de todo … Valupetas, Isabelita, penélopezinha, isto é um assunto à vossa medida? Talvez não! Agarrados que estão à socratinice ainda vos falta mastigar muitas mistificações até lá chegarem.

    Boa digestão e muitas caganeiras cheias de espasmos purgantes, que vocês bem precisam. Estão podres as vossas entranhas de fanáticos!

    Não podia estar mais de acordo com o vosso avozinho.

  4. Pois, na direita não há disto, mas não precisam, têm o Marcelo Rebelo de Sousa.
    O homem que numa semana elogia a discrição na formação do Governo e na seguinte é o próprio a romper o silêncio anunciando em primeira mão que um dos administradores da televisão onde actua semanalmente será Secretário de Estado. Para abrilhantar ainda mais a coisa também é através dele que sabemos a data e hora da tomada de posse dos senhores, provando assim que podem mudar as lideranças do PSD e a sua condição, oposição ou poder, que continua a ser ele o português melhor informado do Planeta.

  5. Olha, afinal, a tradição já não é o que era. Alguém informou mal o Marcelo Rebelo de Sousa (ou não gostou da sua chico-espertice). Seja como for, isto não se faz…

  6. Ranhoso Professor Rex,
    Se passaste fome com o “PS-Socratesco”, sugiro que, agora, acrescentes mais um ou dois furos ao cinto das calças.
    O Crato, antes de implodir o ME, vai oferecer emprego a todos os professores desempregados. Parece que tás com sorte.
    O problema é se o ME, com tanta fartura, faz implodir o Crato.

  7. Eles voar até voam, mas voam baixinho, coitados, e esfolam os lamentáveis tomatitos nas silvas, o que é bem feito! Nem com o Soares a dar-lhes lições de voo à borla vão lá. Dantes, a fome do pote tirava-lhes as forças. Agora é o pote que lhes pesa na barriga e as pobres e prematuramente encardidas penas que não ajudam nada…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.