7 thoughts on “Cavaco, escuta”

  1. Entretanto… jantar de generais na reserva; Cavaco teve que ouvir duras críticas a Gaspar e seus gnomos, seguida de enigmática declaração de intenções de Loureiro dos Santos:

    «pelo sentido patriótico e de atenta responsabilidade”, os militares “reafirmam a sua inteira disponibilidade para continuar a servir Portugal dentro das suas possibilidades e limitações, independentemente da direção política que resulte do regular funcionamento das instituições democráticas».

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.