8 thoughts on “Bancar o bobo”

  1. deplorável é um jogador colocar-se a jeito de receber uma resposta destas (também infeliz diga-se, mas justificada por quem se sente perseguido e injustiçado).

  2. O CQ é uma criatura asquerosa, nunca me enganou, por isso não me admira o nível da sua linguagem mas como também não gosto dos mercenários da bola que fazem parte da selecção da FPF, para mim tanto se me dá como se me deu, até se podem matar uns aos outros.

  3. O que ele fez no Sporting dava um romance. O gabinete do director do estádio foi destruído para fazer gabinetes para os adjuntos do professor.

  4. Lá estalou verniz do homem…ele que queria passar aquela imagem de “gentleman”…borrou a pintura toda, coitado.
    Mas há uma coisa que tenho estado a matutar…como é que o Machester deu 9 milhões por um jogador que…enfim…

  5. O Prof. Carlos Queirós, neste assunto, tem carradas de razão. Só se perdem as que caem no soalho! Foi mais uma vítima do mesmo “sistema” mental (e não só…) que anda a querer triturar o Sócrates. Só um cego é que não vê (ou então quem se deixa influenciar por o homem, ao que parece, até simpatizar com o P. S. D. – isso agora é crime?). Folgo que neste caso, tanto quanto me parece, se tenha feito Justiça.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.