A ameaça da legionela na comissão que gripou o apuramento de responsabilidades do laranjal

Alguns Srs. Deputados queixam-se do calor. É assim: as senhoras queixam-se do frio e os Srs. Deputados queixam-se do calor. Se ninguém levar a mal os Srs. Deputados homens tiram os casacos, se as senhoras não se importam, até porque este ar condicionado vai muito dirigido àquele lado e penso que até para ali, para a bancada dos Srs. Jornalistas.

Não se esqueçam que é a época das rinites alérgicas provocadas pelos vírus dos ares condicionados e, se bem que eu tenha a sincera expectativa de que a manutenção dos nossos ares condicionados seja devidamente assegurada e não corramos o risco da legionela, não há nenhum problema em tentar evitar isso e, Srs. e Sr.as Deputados, nós fomos feitos para suportar alguma amplitude térmica, o que obriga o nosso organismo às adaptações que são inerentes à nossa natureza humana, de maneira que, se não se importam, ficamos com a porta aberta para tentar arejar e logo veremos como isso se processa.

Então, Sr. Deputado Nuno Melo, pode usar o método pergunta/resposta, pedindo-lhe para ser muito parco na utilização desta facilidade.

COMISSÃO DE INQUÉRITO SOBRE A SITUAÇÃO QUE LEVOU À NACIONALIZAÇÃO DO BPN E SOBRE A SUPERVISÃO BANCÁRIA INERENTE, 24 de Março de 2009

4 thoughts on “A ameaça da legionela na comissão que gripou o apuramento de responsabilidades do laranjal”

  1. Francamente, ó Franquelim!
    Então vossemecê foi contratado em 2007 para “controlador financeiro da parte não financeira” dum grupo especializado em crimes económico-financeiros e não sabia onde estava?
    Então vossemecê não via nada de nada do que se passava na SLN, apesar de ter assento nas reuniões do conselho de administração da SLN?
    Então vossemecê até já sabia do buracão do Banco Insular e ainda achava que não percebia nada do que se passava na SLN?
    Então vossemecê já tinha sido administrador financeiro do Grupo Lusomundo e director financeiro do Grupo Jerónimo Martins e não percebia nada do que se passava à sua volta na SLN?
    Então vossemecê até já tinha sido Secretário de Estado Adjunto do Ministro da Economia do XV Governo Constitucional e subsequentemente presidente do Instituto de Gestão de Crédito Público e subsequentemente administrador de holdings do Coronel Silva e mesmo assim não atinava com o que se estava a passar á sua volta na SLN?
    Ganda maganão me saiu vossemecê, ó Franquelim!

  2. fiquei curiosa, estava a gostar da peça das trafulhices de ilhas virgens e lagos com fantasia – mas também percebo que seis horas e um quarto de trabalho em um dia apenas é muita coisa.

  3. Debate da SIC sobre o escândalo BPN; 23H25, já lá vão mais de 20 minutos e os acusados e visados são o Banco de Portugal e Teixeira dos Santos; ainda não se ouviu uma única referência a Cavaco Silva ou ao PSD, o que é deveras impressionante porquanto;
    É referido que já em 2001/2002 se sabiam das irregularidades/ilegalidades;
    Cavaco Silva e família tiveram lucros escandalosos à época referida;
    Em 2006, data muito posterior ao suposto conhecimento por todos menos o Banco de Portugal de fraude generalizada, Cavaco Silva nomeia Dias Loureiro para conselheiro de Estado, sabendo, nas palavras de comentadores e jornalistas que aquilo era tudo gente mafiosa;
    Ninguém se lembra de se questionar sobre este assunto?
    Não nos devemos esquecer que quando se fala em Pedro Silva Pereira vem sempre agarrado “ex-ministro de Sócrates” e assim por diante…
    Isto é tudo uma vergonha….ninguém quer saber da verdade…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.