Constituição marada

O exemplar da Constituição de que Cavaco se serve foi comprado na Feira da Ladra a um vendedor de banha da cobra que costuma abastecer Belém. Estou em condições de afirmar que se trata de uma edição clandestina e apócrifa da lei fundamental. Cotejando a Constituição da República editada pela Imprensa Nacional com um exemplar da Constituição igual ao de Cavaco, que anteontem adquiri na dita feira, detectei uma grave disparidade no artigo 187.º, referente à formação do governo.

Constituição da República:

O Primeiro-Ministro é nomeado pelo Presidente da República, ouvidos os partidos representados na Assembleia da República e tendo em conta os resultados eleitorais.

Exemplar da Constituição marada de Cavaco:

O Primeiro-Ministro é nomeado pelo Presidente da República quando lhe apetecer, depois de ouvidas as entidades que bem lhe aprouver, especialmente as seguintes: grupos de constitucionalistas, politólogos, banqueiros e economistas que pensam como o Presidente da República; o Fundo Monetário Internacional; a Associação dos Comerciantes de Carnes Verdes e Afins do Distrito de Leiria; a Confederação dos Grémios da Lavoura; a Federação Nacional para a Alegria no Trabalho; o sr. João Salgueiro; as agências Fitch, Moody’s e Standard and Poor’s; o sr. Mariano Rajoy; o presidente do Automóvel Clube de Portugal; o Patriarca de Lisboa; o sr. Marques Mendes; a esposa do Presidente da República e demais pessoas da sua roda. Acessoriamente poderão ser ouvidos os partidos representados na Assembleia da República, com a condição de o Presidente da República previamente se munir de tampões para os ouvidos. O Presidente da República terá também em conta os resultados eleitorais, deduzindo porém, a título de sobretaxa, metade dos votos e dos deputados obtidos pelos partidos nefastos para a almofada financeira da Nação.

10 thoughts on “Constituição marada”

  1. Para o ainda presidente, os mercados e os credores estão
    acima da Constituição! Já houve um tempo em que era
    importante ter o O.E. aprovado no dia 1 de Janeiro, até
    nem havia tempo para ser escrutinado pelo Tribunal Cons-
    titucional préviamente ! Hoje, já estamos dispensados
    de informar a UE sobre o assunto … pois, respeito pelos
    Tratados subscritos por Portugal não está em causa !?!

  2. António Costa e o seu sócio açoriano vão engolir todos os sapos que Soares e o PS enfiaram ao PC.
    Como aconteceu com a “jogatana política” do 25 de Novembro
    Chato é se o PS e o resto do país tem que engolir alguns desses sapos.
    E esperemos que os maquinistas e os professores da CGTP não entrem em acção.

  3. A Olinda não tem coro.
    A Olinda topa-os bem.
    A Olinda está a ver isto a esvair-se.
    O coreto vazio, está tudo a ficar muito esquisito,
    Como diz o outro aí em cima, devem ser indigestos os sapos.

  4. os peidos são como as pombas/ quando saem dos pombais/ mas sim, as pombas voltam/ e os peidos não voltam mais!chegou a hora das pombas!

  5. A favor da nato, a favor do comportamento orçamental, a favor do aborto e a favor casamento homo.
    Uma questão de troca de sapos.

  6. Já se começou a fazer cera com com as prioridades gay, virá isto na constituição?

    É a nossa sarna esquerdista parlamentar.

    Já o Helton John está para ser AVÓ e nós aqui ainda nem padrinhos!

    Antes esta sarna do que as prioridades grevistas dos maquinistas e mestre-escola.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.