Dos anais da estratégia politica

Não és governo, logo não tens poder nenhum. Apesar disso, achas boa ideia ir negociar com a Troika e apresentar exigências. A Troika, tendo em conta que não és governo e não tens poder nenhum, manda-te dar uma volta ao bilhar grande, a ti e às tuas exigências. E vens queixar-te que foram inflexíveis, para a seguir continuar com o teu discurso de que quando fores governo vais exigir coisas à Troika, que acabou de te despachar sem cerimónias à frente de toda a gente. Confiem em mim que eu ponho ordem neles.
Brincar aos Primeiros-Ministros é giro, não é? Brilhante, como habitual.

12 thoughts on “Dos anais da estratégia politica”

  1. Claro, bem visto. O que é o Seguro… senão um Passos remendado?!. O que faz o Passos que o Seguro no fundamental não fazia?!Reduzir o défice do Estado pois bem, mas como Seguro o fará se ainda não o disse? Cumprir o défice( mais ponto menos ponto ) como? Sem renegociar a divida? Cá para mim, o Ferreira do Amaral cada vez tem mais razão!, fora do euro já, e a cambada de vampiros que vão para a puta que os pariu com as exigências dos juros e cumprimento da divida nestes moldes só trás miséria e mais miséria.

  2. Claro.

    Mas toda a gente já viu muito bem que pedir ao balofo Tó-Zé algo mais do que brincar aos (maus) 1ºs-Ministros é assim como pedir ao dedo mindinho que faça de polegar!

    Ou pedir ao candidato autárquico alfacinha Eusébio da Silva Ferreira que consiga uma “vaga de fundo” para levar o Seara ao Intendente (ou que marque um golito na Liga dos Campeões…)!

    Pois. O PS que não resolva este PROBLEMÃO depressinha, não…

  3. Senhor Vega e senhores comentadores, desculpem a pergunta: Que mensagem estão a enviar aos eleitores? Porque daqui a uns dias vamos ter eleições. Ou a mensagem é que não temos alternativa, como diz toda a direita e, infelizmente, muita esquerda? Vamos votar nos que estão (eu não!)? Vamos votar em branco (eu não!)? Vamos votar na esquerda radical (eu não!)? Elucidem-nos! Bem, eu sei em quem vou votar, apesar de tudo e mais alguma coisa.

  4. Provavelmente vou desenhar uma natureza morta no boletim,,, No TZS não lhe dou o meu voto porque pode ser o do desempate ( metade +1) e não quero ter dores de consciência.Nos outros todos nem vale a pena!
    O TZS nem quer diz o que fará se for eleito daqui a não se sabe quanto tempo. É pura e simplesmente um empata propositado. E pior que tudo é que continua a não querer ter memoria para defender , pelo menos o que de bom foi feito nos governos PS e ainda tem o desplante de defender este governo sobre a crise! E há muito mais…. Votar PS enquanto TZS for leader ???? Não!

  5. bom, daqui a uns dias há realmente eleições e ainda bem que o seguro não é candidato. voto no costa, depois logo se vê. há quem diga que devia votar seara para ver se se despejava o seguro de uma vez. mas não vou nessa real politik. E ter que levar com o bronco 4 anos? com um um pouco de sorte, quando chegarem as outras eleições o costa apresenta-se. hoje estou sonhadora.

    adelinoferreira,
    isso é muito verdadeiro. Há, no entanto, um erro que Sócrates comete ao nunca criticar o seguro (para não fragilizar o PS). Coisas de ética política que já teve quando foi entalado com o Cavaco em múltiplas ocasiões, nomeadamente quando acusado de espionagem, a inventona para derrube ilegal do seu governo. Lealdade institucional e ética política que o outro mono (Seguro) nunca praticou. Penso que, ao contrário, devia defender o socialismo português atacando a mediocridade e hipocrisia do seguro. Dava voz a um PS que está calado à espera de líder e porta-voz.

  6. edie
    É uma evidência que Socrates não critica
    Seguro,como realça. Ao contrário este último
    andou a virar frangos e a conspirar. A conspi-
    ração foi tão longe que o PS vai perder presi-
    dencias de camara importantes para “indepen-
    dentes” que estão do PS há mais de 30 anos,
    como é o caso do meu concelho Matosinhos.
    Julgo porém que Socrates assumiu a condição
    de comentador politico e como tal a posição
    partidária não encaixa bem no formato
    Se ainda estiver acordada, uma noite feliz

  7. Claro que Sócrates, apesar de tudo, sempre praticou a lealdade institucional e a ética política e fez muito bem. Que, presentemente, critica o governo (Coelho, Portas, Maduro, etc.) e faz muito bem. Que não ataca o Seguro para não fragilizar o PS, e faz muito bem. Que não alinha no “quanto pior melhor”, e faz muito bem. Que melhor exemplo podia ele dar?

  8. adelinoferreira
    mas se assumiu a posição de comentador político tem que comentar politicamente as acções do líder da oposição…

    (por caso já estava a dormir mas a noite foi muito feliz e tranquila. obrigada :)

  9. edie
    Um líder, não precisa de atacar opositores, ataca politicas.Ataca conceitos ideológicos, e Sócrates, faz isso como ninguém.Só 5 minutos de telegenia, Sócrates,faz mais oposição sem dizer nada, que, TÓ-ZÉ durante um mês a palrar do que não sabe. Há lideres que o são pela sua natural virtude, e há outros, que o pretendem ser sem o serem nunca. Isto, separa Sócrates, de qualquer outro líder que se perfila no horizonte PS, incluindo o actual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.