5 thoughts on “Quem sai aos seus, degenera”

  1. Isto de andar a brincar aos deuses ainda vai dar para o torto, já os que construíram o navio inafundável viram a teoria desfazer-se logo na primeira viagem.

  2. Caro Teofilo m., nós é que fizemos os deuses, aos milhares, das mais diferentes maneiras, na verdade sempre brincamos com eles, embora sempre houvesse quem levasse isto muito a sério, de tal maneira que se tornou na tragédia que hoje conhecemos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.