2 thoughts on “Palhaços”

  1. Depois de “O triunfo dos porcos”,
    em Portugal com a nova burguesia democrática,
    para fechar o circulo de giz lusitano,
    O Triunfo dos Palhaços.
    Na ora do maior político do regime, Mr Cavaco,
    assumir o seu melhor estatuto.
    De reformado, em casa,
    ou consultor do BdP.

  2. Uma palhaçada absolutamente grotesca.

    Ao pé disto, as desavenças do Balsemão com o Freitas do Amaral, as turras do Marcelo com o Portas (sempre ele) à volta da “vichyssoise”, a debandada épica do Durão e as consequentes trapalhices dum Senhor Estadista de que agora não lembro o nome são minúsculos pentelhos.

    Miremos de frente o reiterado espelho de uma Direita indigente e eternamente órfã de Salazar. Parece que nunca mais têm emenda. Querem mandar, mas não sabem. Percebamos isto, de uma vez por todas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.