8 thoughts on “O que é a mística?”

  1. Pois. O Paulo Bento na conferência de imprensa falou em ganhar, ganhar. Enerva os jogadores que já de si se enervam com pouco. Falhar penalties… Como é que andarão as coisas em Júpiter depois do cometa lá ter embatido?

  2. Há algo de errado com a mística do futebol português. Vejam-se os benfiquistas com a sua águia americana. Quem é que escolhe para mascote uma águia oriunda de um país onde não se percebe nada de futebol? :)

  3. O problema começa na baliza onde não está o melhor… trata-se de uma embirração do PB; logo aí começamos a perder mas a verdade é que estamos sempre lá, haja o que houver. A ligação ao clube é semtimental e não depende de circunstâncias. Já não há cartões rasgados; agora são iguais aos cartões multibanco, impossíveis de rasgar. Eu estive lá ontem com o meu sobrinho Pedro. O miúdo é novo mas já é um verdadeiro sportinguista – já aprendeu a sofrer.

  4. Errado, Claudia. Segui toda a Primavera um ninho de águias americanas com três crias, no qual colocaram uma câmara. Pelo menos aquelas comiam peixe!

  5. Eu também jogo no tudo ou nada, perder ou ganhar. Na bola, pelo meu querido FCP, na política, pelo homem que lavrou o mais fundo que pôde e o deixaram este nosso pachorrento cantinho à beira-mar, pondo a descoberto toupeiras, ratos, minhocas e toda a espécie de bicharocos, que invadiram ruas a chamar-lhe f.da.p. Foram quatro anos, quatro, de bicharada aos gritos. A eles se juntou e aos magistrados, no derradeiro ano de mandato, o mais alto magistrado. Se conseguirem, com a prestimosa ajuda da comunicação social, à rasca com o emprego, empurrar, do governoda Nação, o Eng Sócrates, farei o que até agorai nunca fiz: abstenção definitiva. Ficarei convencido de que neste País o dinheiro compra tudo e quem o tem é quem governa. Mandaram o Sócrates pôr as contas em dia e agora chamam de novo os senhores da roubalheira ao poder, pensando que os malandros estão arrependidos. Para mim este jogo já não dá. Cobarde e irresponsávelmente viro as costas. São feitios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.