Não podemos concordar mais, sr. Presidente

O aviso veio esta quarta-feira de manhã do Presidente da República: o mundo já não vive sem as tecnologias de informação e comunicação (TIC), mas “quando tudo se torna digital”, as instituições e a sociedade em geral ficam mais “vulneráveis à acção criminosa de indivíduos solitários ou de organizações, ao activismo político subversivo, aos conflitos entre Estados soberanos."


Cavaco, 2015

“Quem quiser conhecer a verdade – repito: a verdade; insisto: a verdade – sobre aquilo que diz e faz o presidente da República, basta ir ao site da Presidência. Lá, está a verdade.”


Cavaco, 2010

6 thoughts on “Não podemos concordar mais, sr. Presidente”

  1. Pois é!

    Queres uma explicação para que uma aparente contradição não o seja na cabeça daquela alcateia, afinal? Ouvi também o Cavaco Silva durante a manhã a ler um parágrafo em que se dizia que o mal para o Novo Mundo Novo em que vivemos se esconderia atrás de uns tipos solitários (psicologicamente solitários ou deprimidos note-se, mas pareceu-me que o PR se queria referir paternalisticamente aos jovens ocidentais que integram o universo dos militantes das células terroristas) os quais seriam quem planeava os ataques cibernéticos e punham em causa a paz terrena.
    Achei engraçada esta reflexão acompanhada por chá e bolachas, provavelmente vinda da própria da cabeça de quem o acompanha desde sempre: Fernando Lima, que ficou para a história como o lobo solitário da inventona de 2010, pode ser afinal o ghost writer de tão profunda reflexão em 2015.

  2. vem aí mais uma inventona, foram-lhe à lata dos meiles e teve de empossar o costa. este caralho não se enxerga mesmo, só desculpas peúga branca e terno de vitimização maconde. acho que o país pára amanhã às 4 para assistir a uma vagalidade que acabe de vez com a palhaçaria instalada no circo belém. o cabeça de abóbora e a xtrudes tinham mais dignidade que este bimbo mais à-dos-presépios das caldas.

  3. Posso estar enganada mas há algo nestes últimos acontecimentos que não me agrada. A demora na decisão, as consultas de Cavaco, o discurso que se lhe seguiu. Brbrbrr sinto um arrepio. Anda ali coisa má. .

  4. Costa tem que agradecer eternamente a Cavaco Silva estas demoras.

    Os dois, Cavaco e Costa, se entendem.

    Os dois sabem que o partido das misses e o partido dos trabalhadores não são de confiar.

  5. Em Portugal, com mentiras ou verdades, ninguem ganhava eleições, Eram os anteriores que as perdiam.

    Até hoje, tem tudo um fim.

    Os anteriores não as perderam, nem os actuais as ganharam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.