One thought on “Exactissimamente”

  1. Pelos vistos este César queria que voltássemos ao tempo do Salazar…Não querias mais nada?

    Agora que não somos mais analfabetos?

    Doutorzinhos tal qual como foi o botas de Santa Comba e mai-nada!

    Agora na “casa portuguesa” já não há mais ovelhas e bestas, há apenas cavalos dos bons, daqueles que se fazem na auto europa.

    Ó Neves César ceguinho! Agora nunca mais voltamos ao bidonvile de parís, somos europeus e mai-nada!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.