20 thoughts on “E quanto é que custa a decadência e a estupidez do PSD?”

  1. Preocupa-me muitíssimo mais como cidadão quanto custam os contratos com consultoras, escritórios de advogados e demais parasitas do Estado. Ou quanto custa a cambada de assesores, adjuntos e lambe-botas no circulo da Governação, o qual não servem para NADA.
    Os sindicatos não são parasitas, fazem parte do regime democrático. A não ser que se queira eliminar os sindicatos. Se for para isso, vou já tratar de comprar a caçadeira para o combate que virá a médio prazo.

  2. “Os sindicatos não são parasitas, fazem parte do regime democrático.”

    tudo treta. os sindicatos representam os trabalhadores e são pagos pelo estado ou patronato? fazem parte do regime democrático e os seus dirigentes são eleitos para períodos de 20 anos? carvalhos da silva, arménios, leodolfos, avoilás e outros exemplares vitalícios, quanto é que ganham por mês para fazer aquilo que os partidos mandam. tamém acho que não teria nenhum interesse caso os ordenados fossem pagos exclusivamente pelos associados e não pelo estado ou instituições.

  3. A treta ( ou a teta) começa quando acaba a inteligência argumentativa.
    Sindicatos maus ou bons representam os trabalhadores.
    A eleição de dirigentes nos sindicatos é feita democraticamente.
    Tão democraticamente como é feita pelos companheiros e camaradas nos partidos do regime.
    Mas para mim, respeito bem mais um sindicato do que mil partidos e comissões nacionais.
    E já não falo daqueles que passam a vida a escrever em blogs a serviço do patrão

  4. Políticos e sindicalistas dos paises de la siesta são tudo “conversa fiada”

    Não vai ser esta dita troica que os vai pôr na ordem.

    Vai ter que vir outra dita mais dura a mandá-los para para o degredo.

  5. “A eleição de dirigentes nos sindicatos é feita democraticamente.
    Tão democraticamente como é feita pelos companheiros e camaradas nos partidos do regime.”

    o arménio foi nomeado por 113 votos do partido comunista num universo de 141 votantes e seguro foi eleito por 24.843 de 43.034. se calhar é boa ideia ires comprar a tal caçadeira para eliminares os votos contra.

    http://www.dn.pt/politica/interior.aspx?content_id=2269602
    http://www.dinheirovivo.pt/Economia/Artigo/CIECO140612.html

  6. Primeiro tentaram virar o povo contra os professores sob a pretensa de que se preocupam muito com os alunos – isto vindo da mesma gente que quer acabar com o ensino público(!).
    Agora, querem virar o povo contra os Sindicatos. É a técnica nº 57 do manual do bom facho. Pela conversa do ignatz e o Reaça, pelo menos com eles, está a surtir o efeito desejado!

  7. os jotinhas em questão, como deputados, não deveriam conhecer que não há rubrica do OE de transferências para sindicatos? Puseram-se mesmo a jeito para levar com a resposta do Nogueira qual chapadão nas trombas:

    “Acho que é uma questão pertinente. Acho que é importante percebermos que seja para os sindicatos de professores ou de outros (grupos de trabalhadores), não há qualquer transferência do Estado – a transferência é zero – e que os dirigentes não têm nem mais um cêntimo do que teriam se estivessem nas suas escolas. Têm simplesmente o seu salário”, sublinhou o líder sindical.

    Para Mário Nogueira, esta é “uma situação muito diferente daquela que existe, por exemplo, na Assembleia da República, nomeadamente entre os deputados da JSD que nunca fizeram nada da vida e quando começam nos seus empregos políticos têm imediatamente o salário de deputados. Ou seja, nunca poderiam ter o salário daquilo que é o seu emprego porque nunca tiveram o seu emprego, verdade se diga”.

    Os sindicatos à francesa, à alemã, e por aí fora têm muito mais influência nas decisões e na gestão – pública ou privada – do que os daqui, até porque não estão tão partidarizados. Mas é o que temos. Podia ser melhor, mas era o que faltava que não os tivéssemos.
    O preocupante é o que vai pelas cabecinhas de alguns jovens futuros dirigentes deste país…

  8. vivemos no séc. xxi com uma estrutura sindical da revolução industrial cujas políticas raramente têm em vista os direitos dos associados. tirando a actual luta contra o despedimento de funcionários públicos e professores, todas as manifestações e greves recentes tiveram objectivos políticos e obscuros, nomeadamente no tempo do socras tinham em vista o derrube do governo. o mário nogueira pediu aos professores para não votarem no partido socialista e aliou-se à direita em acções com este objectivo, agora querem aparar-lhe as costas com o objectivo de derrubar este governo e assim sucessivamente em nome dos direitos dos trabalhadores e proveito dos dirigentes sindicais. aposto que nogueira e quejandos serão poupados à requalificação e continuarão a derrubar governos nos próximos anos.

  9. “Os sindicatos não recebem um chavo do Estado.”

    não recebe o sindicato, mas recebe o sindicalista e pago por inteiro, sem desconto dos dias de greve que fazem parte do trabalho. não há transferências, mas há apoios na forma de formações e umas comissões bancárias por serviços prestados. se não recebem, tamém não se percebe porque é que ficaram tão abespinhados, eu espetáva-lhes com o relatório e contas de 2012 no focinho.

  10. Os sindicatos foram os braços direitos do patronato das falências fraudulentas.

    Os sindicatos foram a desgraça da saúde de braço dado com os médicos e enfermeiros.

    Os sindicatos foram a desgraça de educação de braço dado com os professores.

    Os sindicatos dos bancários foram o braço direito dos banqueiros que lixaram a economia.

    Ó cavaco@bpn, já viste o efeito ou precisas de óculos?

  11. A discussão sobre os Sindicatos à moda dos jotinhas licenciados em Castelo de Vide é típica de Países sub-desenvolvidos como Angola ou a Somália, ou então dos Países desenvolvidos mas nos anos 30 e na Europa Central. Tenham juízo.

    E tu, Reaça de merda, volta lá para o teu táxi e cala a comua, pá!

  12. ena, ignatz, se o crato fosse tão rápido a dizer ao país o que ía fazer quanto aos alunos que não fizessem exame (passado episódio da telenovela de mau gosto) como é a responder às preocupações dos jotinhas laranjas e Cª….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.