Conselho para António Costa

António, não voltes a interromper o Santana. Seja o que for que vejas o Santana fazer, por mais esquisito que seja, não o interrompas. Porque é certo ele estar a fazer uma merda qualquer. Pelo que não a deves pisar. Afasta-te da merda do Santana, por favor. Esta regra aplica-se ao próximo debate, se o houver. Deixa-o falar, dizer o que tiver a dizer, e depois, na tua vez, fala connosco. Desvela a Lisboa que merecemos, e pela qual estamos dispostos a ajudar-te a ajudar-nos. Agora, cagadas com o Santana é que não. Porque interromperes para mandar a tua boquinha, e depois ficarem a medir a piça, leva a que te esqueças de nós, que não queremos ver-te a perder tempo com merdas. Especialmente, com merdas destas.

5 thoughts on “Conselho para António Costa”

  1. Pois é o costa é capaz de vir a ter um problema:

    1 – O Zé não capitaliza, muito pelo contrário, actualmente acho que espanta!

    2 – a Helena Roseta é bem capaz de não levar tantos votos virtude do casamento de conveniência que certamente desiludiu muitos.

    Se o Santana conseguir o pleno do lado de centro direita é bem capaz de mandar o António para pregar para outra freguesia, ontem, no debate, o homem esteve bem melhor do que se esperaria. Nota-se mais maduro, que já não usa só o discurso fácil. Tem argumentos sustentados e usa argumentos consistentes e documentados.

    Notei o António mais nervoso e ansioso que o Santana!

    António, vou também eu dar-te um conselho, põe-te a pau, não vá a coisa correr mal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.