30 thoughts on “Sol em Santiago”

  1. Podes-te gabar, de que fizeste a maior borracheira de que a estupidez lusitana se pode gloriar. Alguns como tu quando contrariados atribuem-no à estupidez e à “incultura” do povo.

    Vocês, com a vossa arrogância, pensam que os outros são uns mentecaptos sublimes no meio de vós que vêm o mundo como ele é. Indícios de desequilíbrio mental no Aspirina B.

  2. Agora, que o Chile está económicamente recuperado, aí está uma coveira para enterrar o País. Talvêz, os chilenos, possam, mais tarde ser homenageados por Manuel Alegre.

  3. José Tim falou para mim? Credo, já ando a ouvir vozes… Tim, se és do meu partido, és uma vergonha chapada. Digo-te já. Ganha juízo, pá. Não te deram educação?

  4. Cláudia
    Eu não tenho nada partido?
    Quanto à educação, não fui eu que me meti contigo. Isto foi só para te mostrar que também sei ser mal educado.

  5. Efectivamente, não foste tu que te meteste comigo. Fui eu. Bates sempre na mesma tecla, és pouco criativo (o que não é o caso dos que publicam posts neste blog) e, se eu fizesse um levantamento das vezes em que escreves “paneleiro”, eu teria um trabalhão equivalente a uma tese de doutoramento!

  6. Zé Tim:

    O partido da senhora já estava no poder e ainda não enterraram nada. O pai dela é que foi enterrado no tempo do Pinochet.

  7. Tim, uma coisa é certa, nunca farás parte do meu partido. O meu pai é da esquerda. A minha mãe é da direita. E eu sou do partido intemporal dos artistas.

  8. Tenho queda para te cortar a gaita, sabias? Faço de ti um quadro surrealista em que te coloco a gaitinha no canto esquerdo da tela com dois quilhõezinhos esfarrapados, suspensos e esticados por dois pregos enferrujados.

  9. O Zezinho Tim consegue fazer de mim um autêntico René Magritte. Eu desenharia as partes pudibundas dele com uma minúcia de tresloucada e escreveria por baixo dos seu membro raquítico: “Ceci n’est pas José Tim”.

  10. José Tim, muito mentes. Além de teres o coiso muito pequeno (sabes o que é o coiso, não sabes? se não, vais ao dicionário), também tens o nariz do pinóquio. És mesmo desequilibrado…

  11. Não, não, cometi um gaffe. O que acontece aos maiores artistas. Por baixo do esquálido membro, esticado para parecer maior, e das duas bolas furadas com pregos enferrujados, mas já sem qualquer perigo para o Tim, pois este já estaria morto, esquartejado, eu escreveria: “Ceci est José Tim.”

  12. Tim, mandaram-me uma foto do teu coiso. É pequeno, flácido como uma pastilha elástica, sarapintado de saliências escrofulosas, verdes ainda para mais.

  13. Olá, Capitão da Barca Rota. Para teclar, não preciso ter a boca aberta :-) Mas se quiseres que te arranque o membro com as minhas mãos de artista…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.