Perseguidos e ultrajados

streetfighters.jpg

Se um marciano aterrasse neste belo planeta e tivesse o azar de ouvir Paulo Portas, José Manuel Fernandes e respectivos primos a falarem da”ditadura do politicamente correcto”, ficaria imediatamente convencido de estar perante gente corajosa que afirma as suas ideias subversivas, apesar de perseguidos pela polícia, escorraçados do ensino, despedidos dos seus empregos e excluídos da televisão. Tudo isto por afirmarem, correndo risco de vida, a superioridade do Ocidente, dos ricos e do engenheiro Belmiro.
Deus abençoe estes combatentes de rua e os guarde à sua ilharga e lhes dê para ler a colecção completa da “Revista Xis”.

5 thoughts on “Perseguidos e ultrajados”

  1. Macacos me mordam se percebo alguma coisa deste post. Então o “politicamente correcto” não é, não tem vindo a ser desde há muitos anos, cuidadosa e progressivamente imposto pelas democracias do Ocidente que propõem salvar este planeta, com muito bater de palmas da gente “politizada” de esquerda, ao mesmo tempo que se vai permitindo que o capitalismo e imperialismo continuem a encher as suas panças cada vez maiores? Donde virá a deliberada ou ignorante confusão? Do Portas ou do Posteiro? O que mete mais dó são as criancinhas inocentes que aqui vêm beber auguinha salobra para matarem a sede.
    .

  2. Ó tiozionho: mas onde é que se verifica essa suposta ditadura por estas bandas? Onde estão esses órgãos de informação capciosamente manipulados pelas hostes esquerdistas, banindo os corajosos direitinhas para longe das câmaras e dos micros?
    Ah, pois é.

  3. “Paulo Portas é, por enquanto, na direita portuguesa, a única personagem com carisma, inteligência e dimensão mediática para a projectar no futuro próximo.” dixit o blasfemo Rui A. (e CCS aplaude)

    Mas que disparate ! Estava bem mal a direita se a sua personalidade mais marcante fosse a Catherine Deneuve, a loura doida do Parque, agente dupla ao serviço do Rummy (lembram-se daquele fim de tarde romântico em tête à tête no forte do Estoril?). Um traidor à Europa que rasgou os contratos já assinados para a compra do Airbus de transporte militar para o substituir por lixo americano, sabe-se lá com que “contrapartidas” ? Um apoiante histérico da politica de cruzadas terroristas no Médio Oriente ? Em suma, um “enculé” de Bush ?

    Nem pensar. A direita verdadeira (que é patriótica, europeísta e apegada aos valores ocidentais vilipendiados do outro lado do Atlântico) tem felizmente gente com verdadeira estatura intelectual (sabiam que a Doida teve 13 em Direito ? Pudera, andava sempre no Parque a enfardar…), moral e política para dirigir o País: Cavaco (que teve já 3 vezes mais de 50% de votos, não 6%…), Borges, Freitas e muitos mais… A Portas já era… Morra a Portas, PIM !

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.