19 thoughts on “Pensamento matinal talvez irresponsável”

  1. benâncio,
    claro que não, meu amigo, e isso é mau, muito mau.
    mas o pior de tudo é que a vida também não resolve os problemas, e essa é que é a grande porra.
    que fazer então, Deus meu?
    olha, vamos vivendo, pronto, problemando e cantando e se possível rindo, já agora.
    e não escrevas posts tão grandes, que dá uma trabalheira a ler tudo…

  2. R«B»N,
    Os pensamentos, os nobres, os autênticos, são sempre curtos. E os outros também.
    Bom, e faz favor de escrever bem – Benáncio – o meu nome.

    Susana,
    Vendo por esse prisma…

  3. Ó claudia, o que é isso de “plebeu mal acordado para a vida”? Agradecia-te que explicasses melhor, podes? Bom, naturalmente, não podes, é claro…Só dessa cabecinha é que saem tiradas assim. E a gente, que te aguente!

  4. Obrigado, sininho. Não quis ir tão longe…Tudo aquilo que esta claudia escreve é sempre tão mau, que aflige. E depois, não desarma, não desiste, como uma pobre convencida. Tirem-me daqui! (Já fui).

  5. Mas voltei!
    Quando é que páras claudinha? Já reparaste que estás sempre a pensar na mesma coisa? Além de não teres nada na cabecinha, vê-se que a palavra sexo te faz companhia ao longo dos dias. Mas sem proveito, imagino…Queres um conselho? Vem falar comigo. Dou-te o meu contacto, ok?

  6. Olha a menina do capuchinho vermelho! Ainda não passaste das histórias da carochinha, e já te metes a falar com gente grande nos blogues? Ora pega na branca de neve e os sete anões. Pelo menos, para isso deve servir o teu tão infantil intelecto. Não vou perder mais o meu tempo com gente imatura como tu. Vai mas é apanhar laranjas, como dizia a outra…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.