32 thoughts on “Há quem esta noite tenha dormido descansado”

  1. Quero saber em que cemitério vai ser o velório e a chorada derrota do Francisco Louçã. Por nada deste mundo quero faltar a esse velório. Levo uma coroa de flores com os seguintes dizeres: « a decisão à esquerda é entre mim e Mário Soares -F.Louçã
    Marca lá o velório Daniel, é que depois o defunto começa a cheirar mal. É que isto faz toda a diferença à esquerda.

  2. Há 11 meses o PS teve 2.573.406 votos; agora, Soares e Alegre tiveram 1.903.066 votos, isto é tiveram MENOS 670.340 votos.

    Há 11 meses PSD+PP tiveram 2.054.162 votos; agora, o Cavaco teve 2.745.523 votos, isto é MAIS 691.361 votos.

    Há 11 meses o BE teve 364.407 votos; agora, o Louçã teve 288.216 votos, isto é MENOS 76.191 votos.

    Há 11 meses a CDU teve 432.000 votos; agora, o Jerónimo teve 466.422 votos, isto é MAIS 34.422 votos.

    A soma dos votos perdidos pelas candidaturas de Soares, Alegre e Louçã foi de 704.762 votos e Cavaco ganhou por ter tido mais 64.199 votos que os restantes candidatos…e o único candidato que de facto contribuiu para enfraquecer Cavaco foi Jerónimo! Mas não chegou para anular as perdas do Soares, Alegre e Louçã.

  3. Margarida, o teu raciocíno é fascinante, como sempre mas esqueces-te que Jerónimo não foi buscar votos a potenciais votantes de Cavaco, logo não contribuiu para enfraquecer Cavaco mas sim para enfraquecer outras candidaturas de esquerda.

  4. Louçã já assumiu o discurso da derrota-vitória à moda da cassete do PC.
    E o que vão fazer com a cambada de incompetentes que mandaram para a campanha do Soares.
    A Joaninha já não voará mais ou vão-lhe aceitar de novo (n)o seio ?

    ;)

  5. As sondagens da Marktest e os resultados do dia 22

    Nos 12 dias de campanha eleitoral tivemos 12 sondagens da Marktest amplamente divulgadas pelo DN e pela TSF, num massacre diário a começar logo pelas 6 horas da manhã. De 12 manhãs, começando em 9 e indo até 20 de Janeiro.

    Confrontando-as agora com os resultados do dia 22, o saldo é o seguinte:

    Cavaco e Louçã: todas as 12 sondagens lhes deram previsões superiores aos resultados. Cavaco teve 3 sondagens com mais de 60% e na mais baixa (52,7%), mesmo assim foi mais de 2% superior ao resultado. Louça que teve 5,3% chegou a ter 9,3% nas sondagens…

    Soares e Alegre: tiveram pelo menos uma sondagem muito aproximada do resultado final, as restantes foram inferiores, mas só em 2 dias Soares esteve nas sondagens acima de Alegre.

    Jerónimo: foi o único em que as 12 sondagens deram previsões inferiores aos resultados (a que mais se aproximou -7,2%- ficou a 1,4% do resultado). E em 7 dos 12 dias, esteve nas “sondagens” abaixo de Louça…

    Mesmo com estas “ajudas”, o Jerónimo foi o único que subiu a votação em relação a 11 meses atráz!

  6. Errata: no último parágrafo deve ler-se: Mesmo com estas “ajudas”, o Jerónimo foi o único da “esquerda” que subiu a votação em relação a 11 meses atrás!

  7. Guidinha, estás toda feliz porque o Louçã teve menos votos que o BE.
    Eu e mais uns tantos que votámos Louçã ficámos sobretudo chateados porque o Cavaco ganhou.
    Quando perceberes a diferença, tu e ALGUNS dos teus correligionários (trabalho diariamente com camaradas Comunistas que não são mentecaptos como tu), talvez percebas porque é que o Jerónimo não teve mais votos.

  8. Agora apontar números faz-me feliz? Já nem se podem apontar números, se esses números apontarem para uma queda do Louçã? O culto da personalidade já chegou a este pormenor? Estou banzada!

  9. A Margarida tem todo o direito democrático de examinar as feridas nos traseiros dos vários cavaleiros da esquerda. Os arranhões que menos se notam são, de facto, os de Jerónimo de Sousa (Viva a monarquia socialista!). A água oxigenada nem sequer ferve e nem é preciso meter um penso. Melhor deixar ao ar, dentro de um ou dois dias não se nota nada. Mas, infelizmente, os prognósticos duma victória comunista em eleições em Portugal não são de encorajar. Com aumentos de 34 mil mecos cada vez que há eleições, são precisos mais 50 ou sessenta anos para o PC se guindar à altura dos sucessores da parelha Soares-Alegre, já esquecida, recordada em pedra e a fazer tijolo como a Margarida. Estes sonhos perdidos na distância dos amanhãs prometidos sem vergonha são o melhor material para escrever um livro sobre o papel enganador dos partidos proletários ao serviço da banca nada espírito-santa.

  10. Ela não precisa de corda. Está ligada a uma bateria de um Walkman da RDA, é pouco prática: pesa tonelada e meia, mas tem uma duração de 300 anos!
    Dá para ouvir temas musicais das revistas da Camarada Odete até ao fim dos tempos.

  11. É muito interessante ver a forma como a maltosa do bloco trata os pobres parentes comunas. Arrogância, desprezo e uma infinita superioridade moral. Mas em vez de tratarem os primos com sobranceria deviam era aprender com eles. Por exemplo, querem saber porque é que as pessoas não acreditam no louçã ? então, não precisam de de ir muito longe, basta verem a declaração da noite da eleições. voltem e vejam, está lá tudo!

  12. Quando a coisa não lhes corre bem passam ao insulto… aqueles que tão bem analisaram o fim do pc, insultam quando se apercebem que o o be está a ir ao fundo… Não será a falta de democracia interna que condenou o be a este resultado, ou será antes a falta de ideias novas, ou a ausência de ideologia, ou será que o marxismo servido nos melhores restaurantes lisboetas já não convence como até aqui…

    eu quero continuar a contar com um bloco forte…

    mas é engraçado ver como vocês perdem a paciência e o verniz quando as coisas correm mal

  13. “Assimvaiobloco”, os que escreveram a certidão de óbito do PCP são os mesmo que
    pretendem ver no BE um nado-morto. Nada de novo.

    Não se sabe como será o dia de amanhã, mas está aí em cima um post interessante sobre uma actividade possível a ser escolhida por desempregados que não querem trabalhar na McDonald’s.
    Há quem tenha pesadelos mais escuros que as nossas noites negras.

    PS: marxismo só o “biológico”, não vou á bola com corantes e conservantes.

  14. Duarte,

    Não consegui aceder ao teu blogue (para o qual tens o link). Mas não fui buscar a ideia a lado nenhum. Nem me parece que seja especialmente original. Ainda assim, se tens algum post neste sentido, leva a medalha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.