Re-Intermitência

 

 

 

 

 

 

 

“Sinto-me melancólica sempre que me recordo de todas as vezes em que disseste que me amavas”, sussurra-me C. “Também eu”, concordo. “Mentir é, de facto, uma capacidade que tenho vindo a perder”, finalizo.

20 thoughts on “Re-Intermitência”

  1. :),
    sinhã.

    Abraço,

    Carlos.

    A perda da dor também o (uma melancolia) é, maria?

    Bela definição, sou teu.
    Abraço.

  2. Na realidade, sinto um pequeno contacto tranquilizante… calmante, que de uma forma inteligente me bloqueia o cérebro……”E ao vivo?” Ao vivo penso… “nem quero imaginar…” Deves ser muito melhor do que na internet..”

  3. Sem exageros, …… ficas pela simplicidade da Loucura… é assim que se destingue a verdadeira loucura saudável!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.