11 thoughts on “PUB”

  1. Qual é a diferença entre a frase do cartaz e um rasgado elogio ao terrorismo? Guerras religiosas erguidas em batalhas ideológicas? Neo-cons versus Baden Meinhoff, ou a The Age of Extremes Reloaded.

  2. esses tipo do CPPC curtem mesmo essa imagem. O cartaz de há 2 ou 3 anos tinha a mesmíssima estética. Vá lá que agora só assina a ‘Commissão Organizadora’ e não aquela interminável lista de colectividades, e assocs fantasma.

  3. Ainda bem que é em Lisboa. No Porto, antes da invasão, eramos meia dúzia de gatos pingados. Os “profissionais” e eu, que já não ía a manif desde o Prec.

  4. E eu que pensei que tivessem sido realisadas eleições no iraque e que os que promoviam ataques contra o governo eleito procediam mal.

    Afinal parece que há quem defenda lutas armadas contra governos democraticamente eleitos.

    Repugnante.

  5. Cam,
    Tem toda a razão, eu também acho que o governo de Vichi era o legítimo governo francês….soldados ocupantes? nunca vi nenhum!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.