Mitos urbanos

Quando passo pelas filas de entrega do IRS lembro-me sempre dos discursos dos políticos sobre a produtividade do país. Sempre a pedir mais produtividade, mais produtividade. É verdade. E a melhor maneira de começar era evitando que os portugueses tenham de tirar um dia de férias para pagar impostos. Talvez evitando que se perca uma manhã inteira para fazer uma escritura. Uma tarde para instalar TV Cabo, outra para a electricidade e ainda outra por causa da água. Inscrever uma criança no colégio, pedir a renovação do bilhete de identidade, conseguir uma certidão de óbito. Não existe nada neste país que não custe menos de seis horas para conseguir. Nada! E dizem eles que o povo é pouco produtivo. Pouco produtivo? A verdade é que neste país, apesar das circunstâncias, ainda se consegue trabalhar. Não liguem. Estamos todos de parabéns. RMD

3 thoughts on “Mitos urbanos”

  1. Talvez a culpa seja dos portugueses que escolhem o último dia para o fazer, não?

    E o que é que os políticos têm a ver com a TV Cabo, a EDP?

  2. Post muitíssimo verdadeiro.

    Algum progresso está a ser feito. Vão passar a ser desnecessárias certidões de nascimento. Uff!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.