Um livro por semana 206

«Percurso de um sonhador» de João Luís Pereira Maurício

O padre Fernando Maurício (1928-1963) foi um sonhador que morreu muito novo num acidente rodoviário com apenas 35 anos. Nasceu na Benedita; seu pai foi João Maurício natural de Santa Catarina e sua mãe Isabel Bernardina, natural da Ribafria. Conheceram-se na apanha da azeitona em Turquel. Ordenado sacerdote na Sé de Lisboa em 29-6-1952, festejou a Missa Nova em 13-7-1952 na Benedita. Foi amigo do padre Felicidade Alves com quem teve longas conversas sobre a Igreja em Portugal. Esteve na capital italiana entre 1953 e 1955 enviado pelo cardeal Cerejeira apesar de Salazar advertir «os padres que vão a Roma voltam de lá com uma vontade louca de mexer na política». Visitou vários países: Alemanha, Inglaterra, Áustria, Espanha e França.

Em 2-2-1962 fixou-se em Alcácer do Sal no santuário do Senhor dos Mártires onde, com o seu Instituto Regnum Dei constatou que era preciso «retomar a ideia de missão» pois «a Igreja perdera a classe operária». A experiência durou até 1970 e sobre ela afirmou o padre António Marcelino: «É possível questionar as ideias do Pe. Fernando Maurício mas não é possível pôr em causa o seu grande amor à Igreja».

Precursor de alguns aspectos do Vaticano II, tinha a ideia de ver os alunos dos seminários, findos os cursos, colocados como auxiliares dos párocos em sistema rotativo, primeiro em Lisboa, depois numa vila e, por fim, no meio rural. Só após esse estágio tomariam a decisão de serem ordenados».

Mas não teve tempo. Morreu quando ia buscar flores para uma celebração eucarística.

(Edição do Autor, Capa: Maria Augusta Sousa, Notas de contracapa: D. Serafim Ferreira e Silva, D. António Marcelino, Dr. Almerindo Lessa)

2 thoughts on “Um livro por semana 206”

  1. Registo sem comentários mas agradeço a atenção da leitura. ficou combinado não comentar eu os comentários dos meus textos. Mas nada me proibe de assinalar a leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.