12 thoughts on “Re-Dixit”

  1. Sinhã
    Um dia, não nestes que correm, um par de namorados estavam a namorar na varanda de sua casa. Quando o Bocage passa por baixo sente algo a cair na ombreira do seu casaco e repara que é um pouco viscoso e der cor branca. Sobe a escadaria, toca a campainha e quem o recebe é uma senhora de uma certa idade. Pergunta-lhe o Bocage, é só a senhora que está em casa? Diz a senhora não, estou eu a minha filha e o meu futuro genro. Responde-lhe o Bocage. Tome conta do seu futuro neto, se não fosse eu ele morria esborrachado na calçada da estrada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.