45 thoughts on “Votavas no partido do oxímoro?”

  1. tinha de ler o programa , para saber se votava. se me resolvesse problemas de forma prática e eficaz , se encarasse a organização politico e económica em termos “os de cima ( politicos , corporações , banqueiros , e financeiros , empresas titãs , etc , ogres esmagadores ) e os de baixo ( nós , os que trabalham para sustentar isto tudo) , em lugar de esquerda e direita fachadistas , votava.

  2. Não sei se é provável. Mas é desejável. Partidos políticos que têm vergonha da palavra política não fazem falta nenhuma. E para promover as boas intenções da moda já há muitos.

  3. mas políticos que tenham vergonha da palavra partido são altamente desejáveis pró povo . abaixo a partidocracia !

  4. Burrica, eu mesmo, parece que já vos toparam…

    “Portugal, claro está, não será a bonita exceção. Não estamos apenas perante cidadãos que no seu legítimo direito, não querem tomar vacinas. Como revela a VISÃO esta semana, depois de uma investigação de meses, o que começou por ser um conjunto de movimentos antissistema inorgânicos dispersos nas redes sociais tem hoje cada vez mais expressão e maior organização. Há uma agenda clara e alvos bem identificados. Todos estes movimentos nacionalistas estão a unificar-se debaixo de um chapéu comum, a Aliança Lusa, liderada por Alfredo Rodrigues, o fundador do extinto grupo Médicos pela Verdade (que agora se chama Aliança pela Saúde), com o propósito de se apoiarem na “luta”. Há ainda um ponta de lança, Luís Freire Filipe, que oferece a todos estes movimentos, bem como ao grupo Habeas Corpus do juiz suspenso Rui Fonseca e Castro e ao Movimento Zero dos polícias, apoio logístico nas ações de rua, com vista a provocar a maior perturbação social e política possível. E que está há meses a fazer ações de formação, ao género de milícias, criando grupos de pessoas, nas suas palavras, prontos para o que der e vier (é ver as fotos que publicamos na edição). Por coincidência (ou talvez não), um já elogiou o programa do Chega, o outro vê em André Ventura potencial para liderar o País.”

  5. mas o que vinha dizer aos covideiros residentes é que estão a mudar o palco para a representação seguinte à frente do vosso nariz e nem assim ?
    a senhora cientista sara gilbert , da vacina astrazeneca, manda dizer que covid nem a gripe chega , mais uns meses e volta ao que nunca deixou de ser : um coronavirus vulgar , uma constipação curável aos primeiros sintomas com mel canela gengibre limão e água quente. ou caldos de galinha quentinhos tb serve.

  6. Lá esta a jp a comer gelados com a testa. Ó totó já viste que agora até o almirante é negacionista da terceira dose? Uma vacina que é tão boa, então agora já é demais? Não me digas que só agora é que as farmacêuticas estão a abusar?
    Não sei como é que não fazes como os indianos, besuntares-te com bosta de vaca( que é sagrada) para matar o vírus.
    Tens de te apressar olha que vem aí uma variante muito mais perigosa, esta só de falar nela um gajo morre logo.
    Ó jp não sejas ridícula.

  7. estás a rir , Eu mesmo, mas faz imensa impressão ver como os cidadãos pós pós pós modernos são ainda mais manipuláveis do que os da idade média . claro que o púlpito de que dispõem agora os manipuladores não se compara com o do padre cura , é certo , e têm conhecimentos óptimos de psicologia para lavar cabeças por dentro.

  8. Ó yo se puserem um bocadinho de sabão no cotonete dos testes podes crer que as cabeças ficavam bem lavadas por dentro.
    Mas esta malta não pensa? Mesmo depois de saber que o Froes, o Simas e os outros que vão à televisão recebem dinheiro das farmacêuticas para dar opiniões.
    Até o Marques Mendes está contra a terceira dose, agora diz que é o lóbi.
    Mas podemos ficar descansados que o vírus a partir de 1 de Outubro já não vai aos restaurantes ao fim de semana, acho que a DGS vai proibir o vírus de lá entrar.

  9. A política é o cavalo de batalha que os assusta mais. Pôr a política em causa é pôr também os políticos que num futuro próximo serão substituídos pelos negacionistas da política. Querem vencer pelo cansaço dos outros através das perseguições que como intolerantes usam como arma. Utilizam as caixas de comentários para fazerem a sua propaganda, estão organizados e são perigosos.

  10. Ó yo então? Andas a perseguir a Mjp porquê? Sabes que esta caixa de comentários é só para a propaganda dela, porque é que continuas aqui a meter papeis? És mesmo perigosa.

  11. O partido Volt Portugal – assim crismado oficialmente – rejeita a divisão esquerda-direita, porque ela teria “começado a fazer cada vez menos sentido” com a queda do Muro de Berlim. Para o Volt Portugal, a esquerda era o comunismo. Caiu o comunismo, já não há esquerda. Nem direita.
    O Volt Portugal diz-se progressista, porque “cada vez mais, as sociedades se dividem entre progressistas e conservadores”. Mas quando é que não existiu no mundo essa divisão entre conservadores e progressistas? E qual é a diferença entre esquerda e progressismo? E qual é a diferença entre direita e conservadorismo?
    No Volt Portugal “não cabem misóginos, racistas, xenófobos, homofóbicos ou quaisquer outros que tenham preconceitos ou que discriminem outros seres humanos.” Mas todos os partidos recusam esses rótulos em Portugal, se excluirmos talvez os skins, que não são partido. Até o Chega diz que não é xenófobo, nem racista, nem misógino, nem homofóbico, nem sequer populista.
    O Volt Portugal declara que é um partido “inteiramente novo” e “único”. De facto, o raio do nome que escolheram, Volt, é único. Eu, pessoalmente, gostaria mais de Quilovátio ou Gigabaite.
    A sua Declaração de Princípios é um amontoado indigesto de belas intenções e frases ocas, tudo do bom e do melhor para Portugal, que qualquer outro partido poderia prometer ou defender, excluindo os ditos skins.
    Espremido, não pinga nada dali.
    É um clube de amigos que dizem umas burrices e bebem uns copos juntos. Não devem fazer mal (nem bem) a ninguém. Parecem totalmente inofensivos.

  12. Oh Eu Mesmo mas não te preocupes com o que eu penso. Para já não tenho muito tempo disponível para escrever sempre o mesmo, como tu fazes. Quanto a Yo o que e que te leva a pensar que eu quero calar a Yo? Se eu pudesse sim de facto calava-te era a ti, mas ao contrário de ti não ando atrás dos comentadores, dirijo-me a ti porque tens o costume de ter opiniões acerca das minhas opiniões. Ou seja nota -se claramente que não queres que eu tenha opiniões, mas bem podes malhar em ferro frio. Sempre que uma opinião me aprouver aí estou eu.

  13. Imbecilidade arrogante e sem limites: esta é a principal qualidade das criaturas que aqui escrevem, sob o nome de “eumesmo” e “yo”. Dar troco aos seus pseudo-argumentos é levá-los a sério, quando apenas merecem o desprezo adequado à sua estupidez.

  14. Isto vai bonito, agora tem censura prévia !
    É o snr. que está de piquete ?

    Quanto a :

    “E qual é a diferença entre esquerda e progressismo? E qual é a diferença entre direita e conservadorismo?”

    Refazendo a questão assim :
    – qual a diferença entre esquerda ( em concreto, o PS ) e conservadorismo ?
    – qual a diferença entre direita e progressismo ?

    Dava uma boa base de trabalho para destapar umas certas máscaras.
    Refiro-me, no 1° caso em concreto a umas certas práticas, mordomias ecreagalias, que já vinham do tempo da outra senhora, e que não só foram mantidas, como alargadas .
    No 2° caso, refiro-me a certas tretas como “ responsabilidade social “, “economia sustentável”, “ preocupação ambiental e ecológica “, etc.

    Se quiser alinhar …

    Porém, com censuras previas, meu amigo, não dá !

  15. mais tarde se verá que são os imbecis , carissimo não coma gelados crente em estudos com dados simulados e totalmente inventados.

  16. Ó troll é só para dizer que a CEO da Oxford/ AstraZeneca diz que o covid está a perder força e vai passar a ser uma gripezinha.
    Quem diria que a gaja ao fim de dois anos ia dar razão ao Bolsonaro, mais uma negacionista perigosa.

  17. trago um recado do meu génio particular , Maquiavel , Maqui para os amigos , para jp e companhia :

    “Em geral, os homens julgam mais pelos olhos do que pela inteligência, pois todos podem ver, mas poucos compreendem o que veem.”
    topas , cegueta do cérebro ? terraqueos watch too much television , está visto.

  18. O que vai nu é a hipocrisia e a desonestidade intelectual de certos vendedores de banha da cobra negacionista. Graças à sociedade “eumesmo & yo e companhia intelectualmente limitada”, não faltam verdades a preço de saldo, tão ao gosto de São Maquiavel.

  19. Ó troll não invoques o nome do Senhor em vão. Queres dizer alguma coisa, diz, lá por seres otário não quer dizer que não possas desabafar.
    O facto do Simas, do Froes, e a maioria dos peritos da treta serem pagos pelas farmacêuticas não quer dizer nada, eles só querem o vosso bem. Podes levar a terceira dose na modalidade casa aberta mas tens de te despachar que a validade das vacinas termina em Dezembro.

  20. não vale a pena , as sinapses destes tipos são muito preguiçosas , só comem papa e já feita. só queríamos ajudar , pessoas saudáveis a levar vacina para resfriados que não lhe fazem nada de mais é qualquer coisa de surreal , mas está bem , o corpo é vosso , agora se ficarem doentes com a vacina teremos de exigir ao estado que sejam vocês a pagar os tratamentos do vosso bolso , porque não foi por não serem avisados. ai o medo -:)

  21. Lamento muito ter de contrariar a posição quase unânime de comentadores com os quais estou geralmente de acordo, mas tenho de confessar que tenho como muito positiva a incansável campanha antivacinas da ‘yo’ e do ‘eu mesmo’ neste pardieiro. Et pourquoi? Parce que é preferível que continuem perdendo o seu precioso tempo nesta infecta mas gloriosa chafarica de irredutíveis gauleses, onde não conseguem convencer ninguém, a migrarem para paragens habitadas por indígenas mais permeáveis, com mentes mais frágeis, onde o perigo de conversão seja maior. Assim, saúdo, com muito amor e carinho, os queridos ‘yo’ e ‘eu mesmo’, com os meus sinceros desejos de que continuem esfolando e se esfolando, sem que os dedinhos lhes doam! Keep on the good work, my beloved!

  22. Mesmo assim é preciso muita paciência para os aturar. Mas se isso os mantem entretidos, do mal o menos, dê-se-lhes espaço para exibirem a sua infeliz e lamentável nega.

  23. eu não quero convencer ninguém , não escolho por ninguém , cada um há-de ser responsável pelas suas escolhas , mas tenho obrigação de assinalar os erros , sem ganhar um euro com isso. lamentavelmente os cidadão meus contemporaneos são agora manipulados à exaustão pela “ciência” monetarista e nem dão por isso : há miúdos que vivem apavorados com o fim do mundo anunciado todos os dias pelos “cientistas” tal como há séculos os havia apavorados pelo Apocalipse ; há miúdos hiper confusos com questões de sexualidade à conta de tretas de género tal como noutros tempos os havia confusos com questões de pudores religiosos .
    não tenho culpa se não descobrem os padrões imutáveis que conformam os meandros do poder sobre o povinho .

  24. Não há dúvida, é só inteligentes.
    Ó capacho, quem é que é anti-vacinas? E tu ó enojas sabes ler por acaso?
    Vocês têm uma cegueira tão grande que devem estar a ser pagos pelas farmacêuticas como o Simas o Froes e os outros médicos da treta que vão às televisões.
    O que é que tem a ver a recusa de ser cobaia numa vacina experimental com um anti-vacinas?
    Todos os dias há novos estudos, será que para as vacinas antigas também fazem novos estudos?
    Se a técnica é tão boa e tão inovadora porque é que não utilizam a mesma técnica e fazem uma vacina para o vírus da Sida?
    E se estas estúpidas medidas de protecção só têm a ver com saúde, porque é que é um político a determinar o seu fim? Será que o vírus sabe que está proibido de infectar a partir do dia 1 de Outubro?
    Não abram os olhos que não vale a pena, continuem a comer gelados com a testa que o querido líder agradece.

  25. Quanto ao “Volt”, não merece muita discussão. São apenas um grupo de cidadãos à tentar arranjar um meio de subsistência bem remunerado. Têm tanto direito como os vigaristas do partido do Ventas.

    Sobre a merda da discussão viral, gostava de saber:
    Porque é que se inverte o discurso dizendo que aqueles que defendem o direito de não serem injectados com uma mistela mal explicada é que estão a oprimir os que impõem a obrigatoriedade com penalizações?
    A frase está um pouco atabalhoada mas, não se preocupem, é retórica.
    O argumento de vitimização do opressor é velho. Mas é o que se arranja quando ninguém (nem mesmo a maioria dos médicos) tem o conhecimento científico concreto sobre o que afirma. Estamos na base da propaganda médica, estatísticas viciadas e do “diz que disse”.
    Neste contexto, acho saudável (pun intended) manter algum cepticismo, por isso estou com a Yo (quem diria?)
    e o Eu mesmo contra a arrogância prepotente da maioria da borregada.
    A censura, imposta em todos os meios de informação a todo o tipo de vozes dissidentes, é anti democrática e extremamente perigosa, mas o pessoal embarca alegremente na onda de autos de fé como nos tempos ancestrais, sem noção do sistema que estamos a deixar montar.
    Oxalá me engane…

    Baidauei:
    Que se fodam os chegacionistas e todos os que se tentam aproveitar da divisão.

  26. táva admirado que ainda não tivesses aparecido a louvar a “muito positiva a incansável campanha antivacinas da yo e do eu mesmo” e a reconhecer os méritos das crendices e superstições, do negacionismo e das teorias da conspiração e das indignações das pessoas de bem ou da boa vontade, quando praticadas em redutos gauleses, onde graças a esta e outras intervenções altamente arrasadoras do capachino vermelho, “não conseguem convencer ninguém”, tal como tu, com os teus postiços e amizades com filhos da puta. mais uma picadela nas costas dos sapos que o escorpião anda a promover.

  27. a mula russa e amigos negas têm via verde, os outros vão para o inferno e na melhor hipótese quarentena no purgatório.

  28. Ó troll está descansado que falta pouco para chegar aos 85% de vacinados altura em que atinges a estupidez de grupo. E aí já podes tomar a vacina da gripe com a terceira dose da covid, e aproveita para tomar mais umas quantas vacinas, que isto nunca se sabe, e mais vale prevenir que remediar.

  29. Missa satânica ontem foi às 15:03 e 15:05.
    E eu estou admirado por ainda não teres aparecido a falar de vibradores e estimuladores do filósofo grego, aquele que sabes, o Klorites .
    O Vamoláver tem um descararamento do tamanho da Amazônia, declarou o liberation day – à maneira do independence day do Nigel Farage – e decretou o fim do vírus, tudo coincindemente em pleno período eleitora .
    Lá pra Oitembro vamover …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *