Revolution through evolution

Low to moderate stress is good for you
.
Gossypetin found in hibiscus may beat Alzheimer’s disease
.
How black tea (and other favorites) may help your health later in life
.
Antioxidant flavonols linked to slower memory decline
.
Planting trees can save lives, study shows
.
Witchcraft beliefs are associated with weak institutions, conformist cultures
.
World Cup: It’s the winning, not the hosting, that delivers an economic boost
.

.
Changing feelings can boost creativity for conventional thinkers
.
Revealed: How many litres of water you actually need to drink each day
.
Potato is an ideal way to create a full meal with fewer calories, scientists say
.
Believe it or ‘nut’, almonds can help you cut calories
.
Improvisation and creativity in professional jazz musicians
.
Moral behavior pays off
.
Tips for avoiding family feuds over the holidays when dealing with ‘hot button’ topics
.
Local alcohol availability related to child maltreatment
.
Children learn more quickly than adults
.
Picky eaters are put off by food depending on plateware color
.
Charles V: French scientists decode 500-year-old letter
.
Researcher imagines a world without gratitude
.
Just 17 minutes of YouTube videos can drive down prejudice, study reveals

24 thoughts on “Revolution through evolution”

  1. or exemplo, as crenças de bruxaria estão ligadas a instituições fracas, baixos níveis de confiança social e baixa inovação, bem como cultura conformista e níveis mais altos de viés de grupo – a tendência das pessoas de favorecer outras que são semelhantes –
    tendo em conta que uma percentagem elevada de portugueses acredita em bruxas , temos acima um retrato do país. e os governantes disto estão cheios de “sorte” , os governados atribuem a sua pobre e triste situação , abaixo já da Roménia , ao mau olhado e às bruxas , e não à sua péssima , corrupta , governação.

  2. adoro batatas , sou aquilo que se chama de batateira… de todas as maneiras , quase sempre com pele , menos fritas. fritas , jamé. batatas e pão. nunca com manteiga. com queijo e doce ou chocolate preto.
    e sou magra , posso testemunhar que batatas e pão , comidos sem gorduras , não engordam.

  3. ate cliquei no link da yo so para perceber se o titulo era mesmo “haha, quase metade dos portugueses acredita em bruxaria”
    mas afinal não.

  4. mas que as há , há -:) é o jornalista , que também acredita que as coisas lhe correm mal porque lhe deitaram mal olhado.
    no caso de Portugal , foi teresa de leão , rainha bruxa, que o amaldiçoou…

  5. então, yo…
    o jornalista – ou quem quer que acredita em bruxaria – só tem a intuição bem desenvolvida, não é?

  6. esta declaração do santos silva é absolutamente hilariante

    “Quando tivemos de retirar dezenas e dezenas de pessoas do Afeganistão, designadamente afegãos que tinham colaborado com as Forças Armadas portuguesas, numa operação muito difícil, conseguimo-lo fazer, porque contámos com o apoio do Paquistão, na rota terrestre, e do Qatar, na rota aérea. Estas coisas não se esquecem. Tal como não se esquece a posição que o Qatar tem tido na Assembleia Geral das Nações Unidas na condenação da guerra na Ucrânia, e também não se esquece a importância geopolítica e geoeconómica que esta região tem no mundo”

    reparem como o “Afeganistão” não foi uma guerra como a da Ucrânia, nada disso, foi outra coisa qualquer que é melhor não dizer agora (uma operação militar especial?), e depois como exemplos de nações que defendem “os nossos valores” apresenta o Qatar e o Paquistão!!!!
    nunca imaginei que o comentário sarcástico que fiz ontem onde dava o Qatar como exemplo de país que defendia o humanismo ia ser secundado pelo presidente da AR tão rapidamente. a vida imita a arte!

  7. sim , bruxuleante , intuição bem desenvolvida ou visão periférica bué boa e um inconsciente a funcionar a todo vapor.

  8. não , quem tem uma intuição desenvolvida..
    e suponho que a nível de capacidades psíquicas haverá ronaldos e eusébios e péles e madames curie ou einsteins.
    e teste , o valor que damos à vida humana está enraizada na crença de 2/3 da humanidade de que é uma dádiva divina….se não fosse isso , matar um homem ou uma galinha teria sido sempre igual. agradeça às religiões e à crença em deuses o ser bastante fácil permanecer vivo.

  9. quem tem uma intuição desenvolvida quê? acredita em bruxas?

    quanto ao
    “valor que damos à vida humana está enraizada na crença de 2/3 da humanidade de que é uma dádiva divina”

    tenho sérias dúvidas disso. se assim fosse:

    1) a vida dos animais seria sujeita à mesma condição de dádiva divina, pelo que não existiria diferença na avaliação do valor delas e

    2) como justificar os castigos mortais que as varias religiões recomendavam aplicar aos infieis? não era a vida deles também dádiva divina?

    como vê, yo, tenho muito pouco que agradecer às religiões por ser tão fácil permanecer vivo actualmente. muito mais tenho à ciência por exemplo, teria sido assim tão dificil a deus colocar “lavar as mãos” como um dos mandamentos?

  10. !ai! que tive uma ideia, uma olindeia: e se eu escrevesse uma carta codificada, codificadíssima, ao Putin?, ele entretinha-se a descodificar e esquecia-se de matar

  11. estou muito feliz: se assim é, já não tenho de contar as batatas, adoro-as, por causa do açúcar e é menos uma preocupação. está decidido: logo vai ser puré com natas de soja, pimenta e noz moscada e depois atum com pimentos vermelhos e verdes e amarelos salteados e vagens também

  12. a primeira questão é fácil : os animais não têm alma. de todos modos há religiões com animais sagrados.
    a questão dos infiéis é política , dava jeito roubar os infiéis e assim. a religião ao serviço da ganância.

  13. só com o surgimento das religiões monoteístas machos é que apareceram os infiéis. no tempo dos pagãos , e de religiões matriarcais , cada um acreditava na parte de Deus que lhe agradava mais.

  14. “a primeira questão é fácil : os animais não têm alma.”

    como é que a yo sabe?!

    “de todos modos há religiões com animais sagrados.”

    pois.

  15. ” no tempo dos pagãos , e de religiões matriarcais , cada um acreditava na parte de Deus que lhe agradava mais.”

    e muitos era na forma de animais. lá está, não se confirma a sua premissa de que é por causa da religião que a vida humana vale mais.
    sabe por que é que nós achamos que vale mais? quer mesmo que lhe diga? é porque nós somos… wait for it… humanos.

  16. sim mas falta no estudo uma grelha com as cores e respectiva associação. por exemplo, eu sei e sei porque li também aqui há muitos anos, que se a comida for azul o nosso cérebro inibe~se de apetite por estar a associá-la a veneno. neste caso da louça, só se percebe que é o vermelho que o afasta.

  17. oi , teste.
    voltando á pergunta que me fez sobre a ressurreição? estive a pensando..ora , Deus está para além da vida e da morte humanas ; Cristo é Deus feito homem , é Deus , logo não morre , se não morre não pode ressuscitar. no máximo pôs operacional o corpo que escolheu para encarnar.
    quando diz que somos feitos à sua imagem e semelhança com certeza que não se refere ao corpo material , para encontrar Deus não o fazemos olhando ao espelho , é olhando para dentro de nós , espírito e alma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.