Quem ganha com a imbecilidade?

Quem ganha com os SMS mandados pela candidatura de Costa neste domingo a apelar ao voto em si? Ganha Seguro, saiu-lhe o brinde. A manobra seria sempre impossível de esconder, para além de ser completamente inútil como forma de motivação do eleitorado de Costa. Parece nascida de um génio maligno. Ou de um imbecil benigno. Mas muito, muito e muito imbecil.

8 thoughts on “Quem ganha com a imbecilidade?”

  1. A chapelada vai ser muito bem elaborada meus caros. Será que a tal imbecilidade, impossível de esconder e sem efeitos práticos que beneficiem significativamente Costa, foi mesmo feita por um imbecil? Ou será que a imbecilidade é antes uma elaborada estratégia para mais tarde usar, caso faça falta? Um erro técnico? Poi, talvez, mas a máquina tem sempre razão. Um erro técnico provocado, portanto. E então, por quem?

  2. A chapelada está a ser montada . Ouço o ex-UGT na TVi e é uma vergonha.
    O ato de vitimização vai continuar para garantir a “legalidade ” da chapelada

  3. A reportagem da TVI , de Braga, com o sr Antonio, levado até à exaustação da “indignação” vote ele em quem votar, deve fazer parte da chapelada, disso não tenho dúvida. É a procura de argumentos para contestar…. e tornar ilegal a votação.

  4. há aqui qualquer coisa que me ultrapassa. inscrever e pagar a cotas a mortos é uma forma de homenagear defuntos, pedir aos vivos que votem é um acto condenável.

  5. Regressava de Castro Marim onde tinha ido votar, quando ouvi no rádio do carro a notícia dos sms. Nem queria acreditar que alguém, idiota de pai e mãe, tivesse feito semelhante argolada.

    Ainda se se limitassem a apelar ao voto… Agora pedir o voto em António Costa? Porra! Com colaboradores destes, mais vale estar sozinho!

    Em tempo: votei Costa, evidentemente. Já chega de mistura entre a política e os Cordeiros desta vida.

  6. votei costa.o imbecil ,dos sms,deve ser um infiltrado na campanha do costa.a derrota de seguro vai ser tremenda e seguro vai desaparecer como o d.sebastião!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.