3 thoughts on “Português de lei”

  1. Um a um, estão a morrer todos os que, na segunda metade do século XX, construiram uma identidade portuguesa contemporânea original, na música, no pensamento, na literatura, na política, na cultura, na economia, …. Dá-me ideia que tomam o seu lugar representantes de originalidades de outros lugares.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.