O triunfo do mirtilo

Fui o único português que fez justiça a esse viciante produto nascido da inventividade nacional e meu fiel despertador diário: Leite com chocolate Vigor. Na ocasião, ofereci de borla uma brilhante ideia à administração e marketeiros da Lactogal, à qual eles fizeram ouvidos dos mercadores que afinal são e já eram. Em vez disso, lançaram o Vigor Cappuccino, uma mistela que roça o intragável. Enfim, enigmas do tecido empresarial cá da terrinha.

Pois há nova maravilha pátria para levar até ao frigorífico, manter os euros dentro do País, gerar emprego, estimular a economia e passar a consumir diariamente: o sumo Frutos Vermelhos da sonatural (uma autêntica desgraça o vosso website, ó pás). Trata-se da felicíssima e mágica reunião de maçã, banana, framboesa e mirtilo. E também para estes amigos deixo uma brilhante ideia: apostem no mirtilo, metam mais mirtilo, juntem mirtilo ao que puderem. Estão a tomar nota disto? Bom, nada de se armarem em vigoristas.

4 thoughts on “O triunfo do mirtilo”

  1. o site está original mas dá, não mirtilo, fastio. é chato. a banana deve estar a estragar um pouco da reunião de condomínio do pomar por não ser fresca nem perfumada: é grossa.

  2. só se for a banana do teu pomar que é de malina – a banana, por aí, pode ser ao olho grossa e indelicada e não deixar rasto de perfume ao nariz. mas existe banana grossa e fina, eu sei que há, uma ladie ao passar, com hálito de saber ser – e fazer feliz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.