6 thoughts on “Na civilizadíssima Itália”

  1. … de quem atirou as bananas e de quem escreveu a notícia. se calhar foi atingida pelo ricochete da notícia. cá é um presidente sem tomates que nos atira bananas.

    “Militantes do movimento Força Nova, de extrema direita, lançaram duas bananas em direção ao palco onde a ministra discursava, embora sem a atingir diretamente.”

  2. … pensou, mas ainda deve haver verba do qren para um centro interpretativo e estudo comparado do pensamento abéculiano.

    nota: ignatz é um rato de banda desenhada. a mania da decomposição dos outros por associação etimológica pode dar a ideia, errada, de se tratar de um gato cibernético, i de cibernético + gnatz de gato pronunciado por pessoa com deficiência vocal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.