9 thoughts on “Mais um que foi mandriar para Londres”

  1. oh tu que engoliste o pau! o gajo foi lá com dinheiro dos meus impostos, o que me dá no mínimo o direito de dizer o que penso da prestação do trabalhador precário a recibos verdes senhor gonçalo carvalho. convenhamos que a pimbalhada musical que o gajo escolheu para apresentar o númaro atirou com o moço para o fim da classificação. fico com pena do cavalo, que não deve ser luso-brasileiro.

  2. Oh tu que ignoraste o espirro! Mal vamos nós quando se critica um rapaz por representar o nosso país numa final olímpica. Prefiro os meus impostos gastos nestes atletas do que esbanjados numa qualquer exposição em Paris. Já agora, para quem leu a notícia do link, a pimbalhada musical acabou por beneficiá-lo na nota. Ah! Eram 50 e ficou em 16º, portanto o rapaz não é assim tão mau…

  3. explica lá melhor porque preferes pagar pela mediocridade nos olímpicos em vez de serem os franceses a pagar pela exposição de arte portuguesa.

  4. ? eu explico o que quis dizer. Referi-me a um caso em concreto de uma única exposição de uma única artista portuguesa, cujos custos foram suportados em mais de um milhão de euros pelo estado português e não por franceses…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.